Dica

Miss Simpatia, um dos melhores trabalhos de Sandra Bullock

Comédias marcaram a carreira da Queridinha da América

Miss Simpatia, um dos melhores trabalhos de Sandra Bullock
Sandra Bullock vive agente federal que precisa se passar por miss (Foto: Warner Bros/Divulgação)

Publicado em 17/11/2019 às 12:00:00

Por: Canal Like

Os concursos de miss foram muito populares até os anos noventa. Mas hoje os tempos mudaram e os concursos de miss também. As mulheres não entram mais na disputa apenas para exibir o corpo. Elas querem a paz mundial! Você sabe que essa história de candidata a Miss sonhar com a paz no mundo virou um estereótipo dos concursos, né?

Marcou tanto que inspirou a comédia Miss Simpatia, uma franquia engraçadíssima que rendeu dois filmes. É uma excelente escolha para curtir a Queridinha da América, Sandra Bullock, num dos melhores papéis de toda a carreira. Ou curtir o Benjamin Brat, de Doutor Estranho; e o Michael Caine, Oscar de ator coadjuvante por Regras da Vida.

E atenção trekkers de plantão: William Shatner, nosso eterno Capitão Kirk também faz parte do elenco. A direção é de Donald Petrie, um especialista em comédias, que fez Como Perder Um Homem em 10 Dias e Falando Grego. Ironicamente, a bela Sandra Bullock interpreta Gracie Hart, uma agente do FBI desencanada com os padrões de beleza. Está sempre mal vestida, despenteada e sem maquiagem. Além disso, a moça tem um temperamento difícil. O seu único amigo no trabalho é o parceiro Eric Matthews, papel de Benjamin Brat.

Essa realidade muda quando o FBI descobre os planos de um atentado à bomba durante o concurso Miss Estados Unidos. Ou seja, uma agente tem que se infiltrar no evento e acompanhar os terroristas de perto. Adivinhe quem é escalada para a missão? A única agente disponível - Gracie Hart, que precisa de uma repaginada geral se quiser se passar por miss.

Tarefa dura que cabe a um consultor afeminado e obsessivo chamado Victor Melling. Quem faz o personagem é Michael Caine, o que deixa a situação hilária, se a gentelembrar dos filmes de ação e dos galãs sedutores que ele interpretou no cinema. Victor tem 48 horas para fazer a Gracie encarar um vestido decotado, sapato de salto e a identidade de miss New Jersey.

O roteiro sofreu algumas mudanças e as cenas com a mãe de Gracie, por exemplo, acabaram cortadas. Na trama original, ela se torna policial para dar orgulho a mãe, que também foi agente e morreu em serviço. O diretor achou a estória grande demais e a Sandra Bullock já estava garantindo simpatia suficiente para o personagem. Repare que no começo, depois das instruções no início do expediente, a Gracie passa diante de um quadro com a foto da mãe na parede.
O pai aparece no trailer perguntando se Gracie é lésbica e ela responde “bem que eu gostaria”. Mas essa cena do pai também não entrou no longa.

Repare como parece que os personagens estão em Nova York, mas na verdade as filmagens aconteceram em Austin, no Texas. O truque foi colocar táxis falsos circulando e sacos marrons nas lixeiras ao redor dos prédios. A sequência "Miss Simpatia 2 Armada e Poderosa" muda da endereço e acontece na cidade de Las Vegas. O elenco principal sofreu algumas baixas, como Benjamin Brat e Michael Caine.

Em compensação, Sandra Bullock ganha uma nova dupla, agora com a atriz Regina King, que levou a estatueta de coadjuvante no Oscar 2018 por Se a Rua Beale Falasse. A direção é de John Pasquin, da comédia Meu Papai é Noel. Depois da missão do primeiro filme, a policial Gracie Hart vira celebridade e acaba reconhecida num trabalho secreto. Gracie não tem escolha: ou vira o rosto oficial do FBI nos programas de televisão ou se contenta em lidar com a papelada atrás da mesa de escritório.

No final das contas, ela curte ser o centro das atenções, apesar das piadinhas e do apelido de Barbie que ganha da nova parceira Sam Fuller. Mas a dupla Gracie e Sam precisa trabalhar em conjunto quando o apresentador do concurso de Miss e a vencedora são sequestrados em Las Vegas. Garcie é enviada para uma conferência de imprensa e termina envolvida nas investigações.

A heroína boazinha de antes está um pouco mudada com a fama, não tem par romântico e ganhou uma parceira de gênio bem forte. O ator Jeffrey Tambor, da webserie Transparent, chegou a participar do elenco, mas as cenas dele, adivinhem, foram cortadas na edição.

Miss Simpatia fez um sucesso absurdo e levou Sandra Bullock de volta ao Olimpo de Hollywood. O segundo longa não atraiu tanta gente quanto o primeiro, mas o carisma das personagens principais garante ótimas risadas. Tem filmes que deixam uma mensagem para a gente pensar quando termina de assistir. E tem outros como Miss Simpatia que não tem nenhuma pretensão, mas te deixam com um baita sorriso no rosto.

Dica do Canal Like:

Miss Simpatia 1
Miss Simpatia 2: Armada e Poderosa


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!