Canal Like

The Night Of, uma série de tirar o fôlego

The Night Of, uma série de tirar o fôlego
Divulgação

Publicado em 29/12/2019 às 13:51:56

Por: Canal Like

Na dica de hoje, o Canal Like indica uma série que teve bastidores quase tão dramáticos e emocionantes como a própria história que ela conta. Tanto é que quase foi cancelada antes mesmo do começo das gravações. Estamos falando de The Night Of. Essa série americana tinha como inspiração a produção inglesa Criminal Justice, criada por Peter Mofatt, o mesmo de Dr.Who.

A trama acompanhava a jornada de Ben Coulter pelo sistema judicial britânico. O jovem interpretado pelo Ben Whishaw conheceu uma garota uma noite, teve um apagão provocado por álcool e drogas e acordou com a menina morta. Ben estava no lugar errado e na hora errada, então é visto como principal suspeito. Essa história angustiante foi um sucesso na BBC e interessou a HBO, do outro lado do oceano.

A ideia original era desenvolver uma versão americana estrelada pelo protagonista da série Família Soprano, James Gandolfini. Chegaram a gravar o episódio piloto, mas aí o ator de 51 anos morreu de repente, de ataque cardíaco. A perda humana era irreparável. Mas como o personagem dele só entrava no final desse primeiro episódio, daria pra regravar a sua parte e continuar o projeto com outro ator. Robert De Niro concordou em assumir o papel de Gandolfini. Teria sido incrível, mas infelizmente, ele teve que desistir por conflitos de agenda. E, assim, The Night Of acabou parando nas mãos de John Turturro, um substituto à altura.

The Night Of começa em uma noite em que tudo dá errado para o jovem Naz, personagem de Riz Ahmed. Ele pega o táxi do pai sem autorização pra ir a uma festa. Quando Naz está parado num sinal, uma garota entra, pensando que é um táxi livre. Curioso, ele dá carona a ela. Os dois vão ficando íntimos, rola um clima. Só que Naz não sabe direito o que aconteceu, porque apaga depois de misturar bebida e drogas. Quando acorda, encontra a garota morta à facada. E ele é o único suspeito.

Naz é filho de paquistaneses. O que, pra muitos americanos, o coloca no rol de candidatos em potencial ao terrorismo. A polícia é desorganizada, preguiçosa, manipuladora e tem pressa de encerrar o caso. Não quer nem se preocupar que pode estar destruindo a vida de um inocente.

A única esperança de Naz é o advogado de porta de cadeia Jack Stone, o personagem de Turturro. Ou seja, alguém quase tão desprezível quanto o descendente de imigrantes aos olhos do senso comum americano. O caso é complexo demais para Stone.

No entanto, ele compensa sua falta de gabarito com a larga quilometragem de quem já viu de tudo nessa vida. E ele está disposto a se jogar nessa cruzada. The Night Of se divide em oito episódios tensos e angustiantes. A gente acompanha aflito a trajetória de Naz pelo sistema judicial americano. E é também uma descida ao purgatório do complexo prisional de Nova York.

The Night Of teve direção e roteiro de Steve Zillian, ganhador do Oscar de Melhor Roteiro por A Lista de Schindler, filmaço de Steven Spielberg.

Mas ele contou com a parceria de Richard Price na criação dessa versão da história e na elaboração dos roteiros. Price foi um dos roteiristas da série A Escuta. Ele também adaptou seu romance Clockers, que deu origem ao thriller policial Irmãos de Sangue, longa dirigido por Spike Lee e produzido por Martin Scorsese. E ainda assinou o texto do empolgante O Preço de um Resgate, filme de Ron Howard. Ou seja, The Night Of se ampara nesses dois pilares: elenco e roteiro.

John Turturro e Riz Ahmed - que se transforma ao longo da narrativa - foram indicados ao Globo de Ouro de Melhor Ator em Minissérie.

Quero ver você assistir ao primeiro episódio e conseguir parar antes de chegar ao último. Essa minissérie é para maratonar e chegar no fim completamente sem fôlego.




publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!