Visão Panorâmica

Novo pacote do Globoplay deve acelerar mudanças radicas na TV paga

Empresa disponibilizará canais do Globosat na sua plataforma de streaming

Novo pacote do Globoplay deve acelerar mudanças radicas na TV paga
Globoplay divulgou novo pacote - Foto: Reprodução

Publicado em 01/09/2020 às 12:19:00

Por: Naian Lucas

Globo anunciou um pacote que vai oferecer em seu streaming todos os canais da Globosat, maior programadora de TV paga do país, como MultishowSporTVGNT e Viva. Apesar dos problemas que a plataforma do Globoplay apresenta, a novidade deve acelerar uma transformação no modelo de negócio atual da TV por assinatura.

O produto estará disponível na plataforma a partir desta terça-feira (1°) para quem já é assinante, abrindo para novos assinantes a partir de outubro. Se o pacote básico custa R$ 22,90, a assinatura com canais a cabo foi fixada em R$ 49,90.

Esse valor é muito menor do que a média oferecida pelas operadoras de TV, que gira em torno de R$ 100. Tal movimentação da Globo não é nenhuma surpresa para quem conhece a história da empresa, que sempre enxerga o futuro. Ela foi uma das primeiras a investir em televisão paga e também em uma plataforma de notícias.

Agora, a emissora enxerga o streaming como a grande oportunidade para manter as finanças em dia e sempre investindo em novos produtos. O novo pacote vai acarretar em um baque para as operadoras, caso o telespectador perceba que o aplicativo é uma ótima oportunidade para economizar.

As operadoras estão perdendo clientes mês após mês. Em março, por exemplo, ainda no início da pandemia, o Brasil deixou de ter 89 mil assinantes, enquanto a Netflix e o Globoplay apresentaram crescimentos neste período. Com o país entrando em crise, muitas famílias optaram por cortar a TV paga por causa dos preços salgados, enquanto as plataformas digitais ofereceram serviços mais sedutores e baratos.

A Globosat é a principal cliente de televisão por assinatura no Brasil e também responsável pelas maiores audiências. O GloboNews e o Viva, por exemplo, costumam ocupar a primeira colocação no Ibope com frequência entre os canais pagos. Um possível sucesso do Globoplay com o novo pacote pode causar um grande impacto negativo no universo de emissoras fechadas.

Globoplay e suas falhas

O que impossibilita de muitos abrirem mão de vez da TV por assinatura e migrar definitivamente para o streaming é a internet e o aplicativo do Globoplay. O conteúdo da empresa é elogiável, porque conta com produções nacionais de alta qualidade e séries e filmes de diversos países, boa parte com importantes premiações. Contudo, é comum os “travamentos” no serviço do Globoplay, dificultando não apenas os jovens, mas clientes de idade avançada e que não têm muita familiaridade com as SmarTVs.

Diante da nova concorrência, ainda não é possível prever o fim da TV a cabo, existem problemas de infraestrutura para uma boa qualidade de internet em diversas cidades do país, mas as empresas terão que acelerar uma mudança em seu modelo de negócio para se mostrarem mais sedutoras ao consumidor.

Caso contrário, seu destino pode ser o mesmo da famosa Blockbuster, líder em locação de filmes nos anos 90, e superada pela Netflix por não entender, a tempo, uma nova demanda do consumidor.


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!