Daniel César
Reportar erro
TVxTV

Atuação da Semana: Gabriela Medvedovski brilha como a mocinha sofredora

Atriz mostrou que dá conta do desafio

Cena de Nos Tempos do Imperador, com Pilar olhando de lado
Gabriela Medvedovski brilha como Pilar em Nos Tempos do Imperador - Foto: Reprodução/Globoplay
Daniel César

Publicado em 22/08/2021 às 06:34:53

Desde que Nos Tempos do Imperador estreou, muito se tem especulado sobre o elenco por conta de nomes pesos pesados, como Selton Mello e Alexandre Nero. Mas a bem da verdade é que pouca gente falou da escolha para a mocinha da trama de Alessandro Marson e Thereza Falcão: Gabriela Medvedovski. E, até o momento, ela vem brilhando feito a luz do sol a cada nova sequência de sua personagem, a sofrida Pilar.

Desde que apareceu para o grande público, como uma das protagonistas de Malhação: Viva a Diferença, Gabriela despontou mostrando que tinha potencial para abocanhar espaços maiores na TV, mas houve um risco. Com a decisão da Globo de produzir um revival da novela, a série As Five, ela poderia ficar marcada por uma única personagem, devido à força de Keyla.

Mas entre o primeiro e o segundo ano da ótima série de Cao Hamburger, Medvedovski ganhou de presente uma mocinha de novela das 18h. Não é exatamente um papel dos sonhos porque é o tipo de personagem difícil de fazer porque é criado, quase sempre, para ser a agente passiva das situações folhetinescas e a detentora de grande parte do sofrimento da narrativa.

Pilar é tudo isso, embora seja rebelde e isso dê certo frescor à composição, mas a capacidade de a atriz deu para garantir honestidade à interpretação, confere doses alta de verdade para a sofredora mocinha, cujo maior sonho é se tornar a primeira médica mulher da história do Brasil.

Gabriela Medvedovski é acerto da Globo

Gabriela pensou em cada detalhe ao compor sua mocinha, inclusive nos trejeitos com os braços, que se movimentam mais ou menos, de acordo com o grau de nervosismo de Pilar. A expressão do olhar e o posicionamento do rosto, mas principalmente o tom de voz, marca constante da icônica Keyla, também se fazem presentes e garantem a empatia de cada cena e em cada sofrimento da personagem.

Pilar é meio Keyla, é bem verdade, já que as personagens se assemelham em vários momentos. Mas o estilo de interpretação é completamente diferente e este é o charme em assistir a atriz todos os dias em Nos Tempos do Imperador. Na última semana, sua personagem foi praticamente a detentora de todo o arco dramático e mostrou toda a envergadura cênica que sua intérprete tem.

Se a escolha dela como mocinha poderia ser de risco, já que Pilar transita no núcleo central e conviveria com os personagens dos atores principais, a tirar pelas duas semanas, Gabriela Medvedovski encara de frente a missão que lhe foi dada, e vai muito bem.



Mais Notícias