Reportar erro
Coluna Especial

Afastado da TV, Silvio Santos precisa contar seu legado em lives

Apresentador do SBT completa 91 anos neste domingo (12)

Silvio Santos de braços abertos no palco do seu programa no SBT
Silvio Santos precisa descobrir a força das lives - Foto: Divulgação/SBT
Redação NT, com James Akel

Publicado em 12/12/2021 às 06:01:19

A entrevista que Cíntia Abravanel, filha de Silvio Santos, concedeu ao Na Telinha no início do mês causou repercussão entre os fãs do apresentador e inúmeros comentários. O pior deles foi a sensação de que o artista não voltaria mais aos estúdios do SBT.

Não sei se ele vai voltar para os palcos”, disse na conversa. E justificou: “Foi um momento muito difícil (Silvio Santos com Covid-19) para toda a família. Nos meus quase 60 anos de idade, acho que eu nunca vi meu pai tão fragilizado. Nem quando ele teve o problema na garganta ele ficou nesse estado. Mas, graças a Deus ele está bem".

E no meio da entrevista, Cintia deu uma ideia que é incrível: Silvio Santos fazer lives diárias. “Se um dia ele descobrir a live, que dá para ele fazer de dentro de casa, aí ele vai se divertir. Sem estar se expondo e correndo risco. Sempre falo isso pra ele”.

James Akel

Silvio Santos é a maior personalidade da TV depois de Roberto Marinho, mas o fundador da Globo não era homem de falar na frente da TV e Silvio é. O homem sorriso tem a obrigação de falar sobre seu legado não apenas ao seu público, mas principalmente a todos que trabalham ou estudam televisão. Não servem livros, filmes ou peças que falam dele. O público que ouvir e ver Silvio Santos falando de sua vida.

As passagens de Silvio Santos na TV

Um bom exemplo seria sobre seu início de carreira. Na década de 60, no começo de Silvio Santos na TV Paulista, seu programa era das 12h às 15h. Com o grande sucesso na tela, após três meses, a TV Paulista fez com que a atração fosse exibida das 12h às 20h.

Outra passagem da sua história foi o desafio que Boni e Walter Clark, poderosos da Globo na época da compra da TV Paulista, fizeram à Silvio Santos. Queriam que ele fosse líder de Ibope no Rio de Janeiro, além de São Paulo, e deram um prazo de seis meses para que isso ocorresse. E em um mês Silvio passou a ser líder nas duas principais capitais do país aos domingos, mesmo enfrentando o futebol.

Além disso, contar bastidores da compra de sociedade na TV Record, a venda da emissora para Edir Macedo e a conquista da concessão do SBT. Todas essas coisas Silvio Santos precisa contar ao mundo da comunicação. O dono do Baú tem a obrigação de deixar registrado em vídeo. Silvio não pertence apenas à sua família, ele é uma personalidade do mundo. Os fãs do apresentador e o mercado de comunicação do nosso país tem o direito de saber das histórias e de tudo que ele fez para alcançar suas conquistas.

Não existe outra pessoa viva no país na área da comunicação que tenha passado pelo que o Silvio Santos passou. E essa vivência não pode ficar apenas dentro de sua casa. Ele tem o dever e a obrigação de contar tudo ao mundo. E o caminho deveria ser pela live, que assim seja.


James Ackel é jornalista, diretor e produtor de teatro e televisão. Dirigiu e produziu o Especial Hebe na Band em dezembro de 2020.



NaTelinha no Google News

Acompanhe as exclusivas da televisão, resumos das novelas, as bombas dos famosos, realitys e muito mais na palma da mão.

Siga-nos