Thiago Forato
Reportar erro
Enfoque NT

Globo erra ao não traduzir título do The Masked Singer Brasil

O sucesso de um programa começa pela escolha de um bom título. Fácil, de pegada, e nisso, The Masked Singer Brasil começa atrás

Ivete Sangalo invadindo camarim do The Masked Singer Brasil
The Masked Singer Brasil: Não é todo mundo que consegue pronunciar o título do programa - Foto: Reprodução/TV Globo
Thiago Forato

Publicado em 10/08/2021 às 05:07:00

A Globo estreia nesta terça-feira (10) a competição musical intitulada de The Masked Singer Brasil, que começou na Coreia do Sul e já é sucesso em cerca de 20 países. Artistas dos mais diversos segmentos têm suas identidades ocultadas no programa que ficará a cargo de Ivete Sangalo nas próximas nove semanas. Mas por que cargas d'água não houve tradução do nome?

Não traduzir Big Brother ou The Voice é uma coisa. São títulos fáceis e mesmo quem fala português consegue pronunciar com certa facilidade, ainda que em outros países tenham ganhado títulos do idioma local, como Gran Hermano em nações da língua espanhola - ou Grande Fratello, na Itália -, e La Voz em alguns outros. The Masked Singer é inexplicável.

Inevitavelmente, o grande público não deve chamar o programa por esse nome. Devo dizer que inseri a estreia da atração no contexto de conversas com alguns amigos e familiares nos últimos dias e poucos conseguiram reproduzir o título correto. Em Portugal, ganhou o nome de A Máscara pela SIC, até bem mais simples do que realmente é. Outra sugestão poderia ser Por Trás da Máscara, já que O Cantor Mascarado não soa tão bem.

The Masked Singer Brasil pode se prejudicar também pelo nome

imagem-texto

Lançar um programa que o próprio público não consegue reproduzir o nome pode acabar prejudicando em engajamento e no boca a boca. Qualquer um que estiver lendo este artigo pode fazer o teste. É até natural que um título até "impronunciável" para boa parte da população afaste a audiência.

Isso porque até alguns anos atrás éramos conhecidos até por traduções improváveis, como o seriado Barrados no Baile (Beverly Hills, 90210) ou As Panteras (Charlie's Angel), dentre outras. Mas, de uns tempos pra cá, títulos da língua inglesa se apoderaram da nossa TV como Bake Off e Power Couple, apenas para citar do que estão no ar entre uma temporada e outra.

Já pensaram se outros mais complexos se mantivessem? Ao invés de Mestres da Sabotagem, do SBT, teríamos um Cutthroat Kitchen Brasil. E um Property Brothers Brasil no lugar do Te Devo Essa. Enfim, há uma variedade deles que ganharam a devida adaptação.

Não acredito que isso seja um mero detalhe. Um grande sucesso começa por um bom título. Fácil, de pegada. E nisso, The Masked Singer Brasil começa muito atrás.


Thiago Forato é jornalista, assina a coluna Enfoque NT desde 2011, além de matérias e reportagens especiais no NaTelinha. Forato também é autor do blog https://parlandodepalmeiras.com.br. Converse com ele pelo e-mail thiagoforato@natelinha.com.br ou no Twitter, @tforatto



Mais Notícias