Reportar erro
Apaixonado

Galã de Salve-se Quem Puder pretende morar com namorado: "Amor não tem sexo nem raça"

Igor Cosso abriu o jogo sobre sexualidade e deu detalhes sobre retorno às gravações

O ator Igor Cosso posa ao lado do namorado, o modelo Herol Leal
Igor Cosso e Herol Leal namoram há cerca de dois anos - Foto: Reprodução/Instagram
Redação NT

Publicado em 03/04/2021 às 14:15:00,
atualizado em 03/04/2021 às 14:29:33

O ator Igor Cosso, de Salve-se Quem Puder, está de volta ao ar com o retorno da novela das 19h na última segunda-feira (29), em que vive o atleta Junior. Em entrevista divulgada neste sábado (3), o jovem artista comentou como foram as gravações dos momentos decisivos da trama e também abriu o jogo sobre a sexualidade. No ano passado, ele assumiu o namoro com o modelo Heron Leal.

Para voltar aos Estúdios Globo, Igor Cosso precisou fazer diversos testes de Covid-19 e ficar isolado antes de gravar sequências com beijos e abraços. "Não teria como fazer sem isso. A gente se comprometeu a cumprir tudo rigorosamente", avaliou em entrevista ao site da colunista Patricia Kogut, do jornal O Globo.

Além da peça on-line Xeque-Mate, em que contracenará com Rosamaria Murtinho, o ator pretende passar a morar com o namorado no fim do ano. Em julho de 2020, quando assumiu o relacionamento com Heron Leal, ele afirmou ter perdido seguidores, algo que ainda acontece ao postar fotos românticas ao lado do amado.

"Transformou minha vida", diz Igor Cosso sobre assumir ser gay

Galã de Salve-se Quem Puder pretende morar com namorado: \"Amor não tem sexo nem raça\"

"Ao mesmo tempo, tem muita mensagem de carinho e apoio. Isso transformou minha vida. No meu Instagram, busco levar leveza e mostrar que o meu amor é igual a todos os outros. O amor não tem sexo nem raça. Essa coisa de seguidores não me importa hoje em dia. O que me importa é que, quando a gente postar, as pessoas se sintam representadas e incentivadas. Isso não tem preço", comentou Igor Cosso.

Ainda na entrevista, Igor Cosso relembra o momento em que se percebeu gay. "Eu namorei mulheres até os meus 18 anos. Tive relacionamentos longos. Até que me apaixonei por um amigo. Minha descoberta foi a partir desse amor. E a gente acabou ficando junto. Antes eu namorava mulheres, era normal. Eu tinha vontade de tudo."

"Depois que você vai ficando mais velho e faz terapia, começa a se lembrar de momentos da infância. Com 10, 11 anos, já tinha situações em que eu estava gostando muito de um amiguinho e não conseguia entender o porquê. Quando aconteceu comigo, eu fui muito tranquilo em relação à minha sexualidade", detalhou o ator.

Mais Notícias
Outros Famosos