Thiago Forato
Enfoque NT

Fluidez? Explicação para inversão de horários entre Mais Você e Encontro não convence

Demorou uma década para Globo perceber que inversão de horários tornaria a grade mais fluída?


Ana Maria Braga e Patrícia Poeta e Manoel Soares em foto montagem
Ana Maria Braga passará a anteceder os jornais locais a partir de julho - Foto: Divulgação/TV Globo
Por Thiago Forato

Publicado em 26/05/2022 às 06:10:00,
atualizado em 26/05/2022 às 08:49:57

A Globo prepara uma mudança substancial na sua programação a partir do dia 4 de julho: o Mais Você e o Encontro terão seus horários invertidos. A explicação que Amauri Soares, diretor da TV Globo deu ao Meio & Mensagem foi de que o programa que será apresentado no segundo semestre por Patrícia Poeta e Manoel Soares é uma "extensão do noticiário do dia". "Vamos mexer na grade para dar mais fluidez a esse momento", justificou. Será mesmo?

Em partes, a explicação faz certo sentido. O Encontro, apresentado por Fátima Bernardes até lá, se aproveita de temas mais atuais, emenda algum factual relevante e tem em sua abertura a nuvem de palavras, com o que está sendo falado de mais quente na internet. É um ponto, mas o que chama a atenção é a Globo ter percebido isso depois de 10 anos. Levou uma década inteira para inverterem os horários desses programas para tornar a grade mais "fluída"?

A justificativa chega a ser inconcebível por uma empresa do tamanho da Globo, que faz tantas pesquisas e é a líder de audiência do país há décadas. Com esse movimento, a emissora passa algumas sinalizações ao mercado.

A primeira é que nem a Globo acredita tanto assim na nova fase do Encontro. A atração comandada por Fátima Bernardes tem um papel importante dentro das manhãs, mas nunca consegue fazer a audiência subir em relação ao Mais Você. Na semana passada, o Encontro fechou com 7,3 pontos na Grande SP, enquanto o Mais Você alcançou 8. Pode parecer pouco, representa 9% de audiência a menos. Em alguns dias, a variação é de quase 20%. Em 20 de maio, aliás, enquanto a atração de Ana Maria Braga rendeu 8,4, o de Fátima registrou 7. Uma variação negativa de 17%.

No Ibope, Encontro dá menos que o Mais Você

Fluidez? Explicação para inversão de horários entre Mais Você e Encontro não convence

Em novo horário, há menos riscos do Encontro desabar ainda mais a audiência. E caso os números não sejam tão favoráveis, existe Ana Maria Braga para entregar melhor aos noticiários devido ao seu bom desempenho e aceitação perante ao público. A ideia, aliás, pode ser com que eles recebam uma audiência mais robusta, antevendo uma possível queda com os novos titulares do Encontro, o que passaria novamente pelo fato do próprio canal estar com um pé atrás em relação ao projeto.

Outra ideia é que a Globo puramente promoveu Ana Maria e vê nela um potencial de agregar mais público em um horário mais "nobre" das manhãs.

Por último e não menos importante, um aceno que o Encontro definitivamente fechou um ciclo que correspondeu a uma década inteira. Com novos apresentadores e agora produzido de São Paulo, sinaliza que em um novo horário, uma página é virada e abre espaço para implementar mudanças mais drásticas no formato, que carece há muito tempo de um maior frescor.

Mas, definitivamente, a explicação que a Globo quer dar fluidez a algum movimento, não colou.


Thiago Forato é jornalista, assina a coluna Enfoque NT desde 2011, além de matérias e reportagens especiais no NaTelinha. Forato também é autor do blog https://parlandodepalmeiras.com.br. Converse com ele pelo e-mail thiagoforato@natelinha.com.br ou no Twitter, @tforatto

Acompanhe a TV NaTelinha no YouTube

Resumos de novelas, entrevistas exclusivas, bastidores da televisão, famosos, opiniões, lives e muito mais!

Inscreva-se
Mais Notícias