Reportar erro
Saudade

Paraíso Tropical: Confira os atores da novela que já morreram

De Yoná Magalhães a Hugo Carvana: Veja os artistas da trama do Canal Viva que já partiram

Yoná Magalhães e Hugo Carvana na época de Paraíso Tropical
Paraíso Tropical: Confira os atores da novela que já morreram - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 13/08/2021 às 08:04:00

No ar no Canal Viva em sua primeira reprise, Paraíso Tropical reúne grandes nomes da arte da interpretação. Se por um lado, o público acompanha atores da nova geração brilhando em seus primeiros papéis na TV, por outro, telespectadores assistem com saudade atores veteranos. A nostalgia é maior quando esses artistas já não estão mais vivos, como no caso de Yoná Magalhães (Virgínia), Daisy Lúcidi (Iracema), Hugo Carvana (Belizário), Eduardo Galvão (Urbano) e Nildo Parente (Pacífico).

Um dos atores preferidos de Gilberto Braga, um dos autores de Paraíso Tropical, Hugo Carvana ainda atuou em mais uma novela do escritor antes da sua morte, em 2014, em Insensato Coração (2011). O artista lutou durante 18 anos contra um câncer no pulmão e não conseguiu vencer a doença.

O ator veio a óbito em 4 de outubro de 2014, seu corpo foi cremado no dia seguinte e suas cinzas foram jogadas na Floresta da Tijuca, no Rio. Confira outros atores de Paraíso Tropical que já morreram!

Yoná Magalhães (1935-2015) e Daisy Lúcidi (1929-2020)

Paraíso Tropical: Confira os atores da novela que já morreram

Virgínia e Iracema viviam entrando em conflito nos corredores do Copamar, o condomínio mais movimentado da trama, com agressões e gritaria. Longe do set, as intérpretes das personagens esbanjavam amizade. Yoná faleceu vítima de insuficiência cardíaca, na manhã do dia 20 de outubro de 2015, um mês após ser internada para ser submetida a uma cirurgia no coração.

Por conta da idade avançada, já que tinha 80 anos, a atriz teve complicações no pós-operatório e faleceu. Yoná deixou um legado de mais de 60 trabalhos na TV, mídia em que ela esteve presente na maior parte de sua carreira. Já Daisy morreu vítima da Covid-19, aos 90 anos, poucos dias após dar entrada em um hospital privado na Zona Sul do Rio.

Em sua carreira, a veterana atriz, além dos trabalhos na televisão, era muito conhecida por suas participações no teatro e no cinema. Na TV, além do destaque que ganhou em Paraíso Tropical, ela também brilhou em Passione (2010), interpretando Valentina.

Eduardo Galvão (1962-2020)

Paraíso Tropical: Confira os atores da novela que já morreram

Eduardo Galvão também foi um dos atores que perderam a luta para a Covid-19, em 2020, aos 58 anos. Na ocasião, Mariana Galvão, filha do artista, fez homenagem para o pai nas redes sociais. "Faltam palavras, falta ar... mas a energia dele era tão incrível que eu sei que logo vai passar, ele não deixava ninguém ficar baixo astral por muito tempo", desabafou Mariana.

O ator estreou nas novelas aos 27 anos como o jornalista Régis, o vice-prefeito de Sassá Mutema (Lima Duarte), de O Salvador da Pátria (1989), trama que também está sendo exibida pelo Canal Viva. Já na trama de Gilberto Braga e Ricardo Linhares, Eduardo interpretou Urbano, um pretendente de Bebel (Camila Pitanga) que vive na cola da garota de programa, após ser apresentado por Marion (Vera Holtz).

Nildo Parente (1936-2011)

Paraíso Tropical: Confira os atores da novela que já morreram

Em 2011, o Brasil se despedia de Nildo Parente quatro anos após o término de Paraíso Tropical. O folhetim dirigido por Dennis Carvalho foi a última trama que o ator participou na Globo. Depois dela, ele ainda teve rápida passagem pela Record, concluindo sua carreira na série A Lei e o Crime (2009).

Apesar de inúmeros trabalhos na TV, Nildo conciliava sua interpretação na telinha com o cinema, em que teve seu nome creditado em mais de 50 produções. Nildo morreu aos 75 anos, na noite de 31 de janeiro de 2011, no Hospital Adventista Silvestre, no Rio, um mês após sofrer um AVC.



Mais Notícias