Reportar erro
Exclusivo

De volta em Paraíso Tropical, Rodrigo Veronese critica repetição de atores na TV: "Cansativo"

Ator comemora reprise de novela no Canal Viva e analisa atual panorama artístico

Rodrigo Veronese em Paraíso Tropical; Rodrigo Veronese atualmente, posado com fones de ouvido no pescoço
De volta em Paraíso Tropical, Rodrigo Veronese critica repetição de atores na TV - Foto: Reprodução
Thomaz Rocha

Publicado em 05/07/2021 às 05:41:00

Paraíso Tropical está de volta na TV. Nesta segunda-feira (5), a novela de Gilberto Braga e Ricardo Linhares retorna em sua primeira reprise, no Canal Viva. Entre tantos destaques no elenco, um personagem ficava no centro do furação: Lucas. O romance do jovem com Ana Luísa (Renée de Vielmond) deu o que falar, não apenas pela diferença da idade, mas por ela ver no rapaz um porto seguro depois de um casamento fracassado com Antenor (Tony Ramos).

Intérprete do jovem, Rodrigo Veronese não vê a hora de começar a rever este trabalho, já que não teve muito tempo de acompanhar quando o folhetim foi exibido pela primeira vez, em 2007.

Em entrevista exclusiva para o NaTelinha, Rodrigo lembra histórias curiosas de bastidor, fala sobre sua saudade em voltar para a TV e critica a repetição dos mesmos atores nas novelas.

Divisor de águas

Com Paraíso Tropical, Rodrigo lembra que recebeu o convite para sua primeira novela na Globo ainda em 2006, depois de passar uma temporada em Portugal.

"Foi um divisor de águas na minha vida. Eu já tinha feito novela na Record e no SBT e chegar em um elenco como o de Paraíso Tropical no maior horário da Globo foi fantástico! Não consigo entender como a Globo ainda não reprisou essa novela. Pretendo rever no Viva hoje 15 anos mais velho", conta Rodrigo, que relembra história curiosa com Tony Ramos nos bastidores.

"O que não faltam são histórias legais que me deixam com saudade. A cena de luta entre Lucas e Antenor, eu e Tony Ramos, foi uma dessas lembranças: demorou quase um dia inteiro e foi exaustiva!", explica.

Embalada pela música Carvão, na voz de Ana Carolina, a relação de Lucas e Ana Luísa deu o que falar. A forma carinhosa que o personagem tratava a mulher e a diferença de idade entre os dois personagens foi bem recebida pelo público, que torceu para o casal. O ator elogia a construção da relação entre os dois na trama e revela que também já viveu relacionamento com mulheres mais velhas que ele.

"Já vivi relações com mulheres mais velhas, mas, no caso do Lucas e da Ana Luísa, o que mais era apaixonante no casal não era diferença de idade, era uma mulher sofrida, contida, viver um amor tão bonito por um homem que a tratava maravilhosamente bem. Curiosamente ele era mais novo! Acho que idade pouco importa. Aliás nada importa muito quando se ama!", analisa.

Saudade da telinha

Longe da TV desde 2018, quando fez uma participação especial em O Outro Lado do Paraíso, Rodrigo sente saudades da telinha e não ver a hora de voltar. Enquanto isso, o ator critica a repetição dos mesmos atores nas novelas e se reinventa na pandemia da Covid-19.

"Sinto saudade de voltar sim. Mas também fico muito feliz de ter vivido a infância do meu filho próximo dele coisa que a novela não me deixaria, ou as novelas. Mas acho que já está na hora de outros voos. Sinto falta de atores que, como eu, estão há muito tempo fora do ar. Tem muito ator legal que não vemos faz tempo e a televisão insiste em reprisar sempre os mesmos, todas as novelas, cansativo demais", desabafa.

"Tive que me reinventar (na pandemia) e me reinventei. Criei um programa de rádio streaming sobre a década de 80 (o 80 por Segundo). Um documentário sobre a arte da década que fala de música, cinema, novelas e tudo que aconteceu nessa década que foi um divisor de águas no planeta. Entrevistas com grandes atores, cantores e artistas. É um programa ao vivo que apresento junto com o radialista Rafael Dutra, todas as sextas-feiras", avisa.

Mais Notícias
Outros Famosos