Reportar erro
Canta Comigo

Filha de Gugu comemora indicação do pai ao Emmy: "Muito orgulhosa"

Record concorrerá pela primeira vez na premiação mais importante da TV

Gugu Liberato ao lado da filha, Marina; à direita, publicação dela no Instagram
Marina Liberato comemora indicação do pai, Gugu Liberato, ao Emmy Internacional - Foto: Montagem/Reprodução/Instagram
Paulo Pacheco

Publicado em 24/09/2020 às 21:10:00

A indicação ao Emmy Internacional do Canta Comigo, último programa de Gugu Liberato (1959-2019) na Record, encheu de alegria a família do apresentador, ainda de luto pela morte trágica, ocorrida em novembro de 2019, e em intensa briga judicial por uma herança milionária.

Em seu Instagram, Marina Liberato, filha de Gugu, comemorou a nomeação póstuma do pai pela segunda temporada da competição musical, exibida entre setembro e dezembro de 2019.

"Muito orgulhosa", escreveu Marina ao compartilhar a publicação do perfil oficial de Gugu no Instagram. Desde a morte do apresentador, a conta tem sido usada para republicar conteúdo da família e relembrar momentos na TV.

Marina, de 16 anos, é uma das três filhas de Gugu com a médica e ex-assistente do programa Viva a Noite Rose Miriam Di Matteo. É gêmea de Sofia, e as duas são irmãs mais novas de João Augusto, de 18 anos. 

Vencedor de onze estatuetas do Troféu Imprensa, Gugu poderá receber pela primeira vez um prêmio de destaque internacional por suas quatro décadas de carreira, representando uma bela homenagem póstuma. Também é a primeira vez que a Record concorre ao Emmy, premiação mais importante da TV mundial.

O Canta Comigo disputará o Emmy na categoria Programa Sem Roteiro, ao lado de Folkeopplysningen (Teddy TV, Noruega), MasterChef Thailand (Heliconia H, Tailândia) e Old People’s Home for 4 Year Olds (Endemol, Austrália).

A premiação acontecerá on-line por causa da pandemia do novo coronavírus. Os vencedores serão anunciados no dia 13 de novembro.

Morte do Gugu e briga na Justiça

Em 20 de novembro de 2019, Gugu sofreu um acidente e caiu de uma altura de 4 metros após tentar arrumar um ar-condicionado de sua casa em Windermere, Orlando, onde morava com a família. Ele teve morte cerebral no dia seguinte, sendo confirmada em 22 de novembro.

Desde que o testamento feito foi divulgado, começou-se uma disputa judicial entre Rose Miriam, mãe dos filhos do apresentador, e a família dele. A médica briga para ter uma união estável reconhecida. Em maio deste ano, ela chegou a ser retirada do inventário milionário.

Mais Notícias