Piada com enfermeiros

Danilo Gentili perde recurso na Justiça e terá de pagar indenização

Justiça de São Paulo não aceitou pedido da defesa de apresentador


Danilo Gentili no palco do The Night
Danilo Gentili perde recurso na Justiça e terá de pagar indenização em processo - Foto: Reprodução
Por Redação NT

Publicado em 10/03/2022 às 18:30:00,
atualizado em 10/03/2022 às 20:21:20

A Justiça de São Paulo decidiu não aceitar o pedido de recurso de Danilo Gentili em processo. Com a decisão dos desembargadores César Peixoto, Edson Luiz de Queiroz e José Aparício Coelho Prado Neto, relator do caso, o Tribunal manteve a determinação de que o apresentador pague indenização de R$ 41,8 mil ao sindicato dos enfermeiros. Ainda cabe recurso nas instâncias do STJ (Superior Tribunal de Justiça) e do STF (Supremo Tribunal Federal), segundo a Folha de S. Paulo.

A ação movida pelo sindicato desde 2020 foi instaurada depois que o comunicador publicou uma piada sexista nas redes sociais. "Vocês sabem se existe um asilo especializado onde as enfermeiras batem uma pros véios? Essa tem sido uma preocupação minha quando penso no futuro. Existe esse tipo de serviço?", escreveu Danilo no Twitter.

Na primeira condenação, publicada em abril de 2021, o juiz André Salvador Bezerra, da 42ª Vara Cível de São Paulo, observou que o apresentador "fez uso de sua condição de pessoa pública para ofender toda uma categoria profissional" e defendeu a ideia de "seculares formas de opressão contra as mulheres" em sua publicação.

Danilo Gentili é condenado na Justiça

imagem-texto

Na ocasião, os advogados de Danilo tentaram argumentar que ele exerceu seu direito de liberdade de expressão, além de usar suas falar como referência a uma cena da comédia "Feios, Sujos e Malvados", do diretor italiano Ettore Scola. Além disso, a defesa sustentou que o humorista sofre constantemente uma "tentativa de censura de adversários políticos", já que, segundo os advogados, o apresentador sempre é atacado por pessoas que defendem o espectro político da esquerda brasileira.

Já o advogado do sindicato dos enfermeiros, André Caetano, sustenta que a categoria se ofendeu com o texto de Gentili, num momento em que os profissionais trabalhavam arduamente na linha de frente da pandemia da Covid-19.

Siga a gente no Instagram

Acompanhe nosso perfil e fique por dentro das quentinhas da TV e famosos

ACESSE!
Mais Notícias
Outros Famosos