Reportar erro
Não repercutiu bem

BBB21: Após apoio a Bolsonaro, famosos desistem de Sarah

Artistas vieram a público retirar apoio da Brasiliense

Sarah chorando no quarto cordel
Sarah contou que gosta do presidente - Reprodução/Globo
Redação NT

Publicado em 05/03/2021 às 12:40:00,
atualizado em 05/03/2021 às 13:21:17

Parece que a revelação de Sarah sobre gostar do presidente Jair Bolsonaro também não agradou os famosos fora do BBB21. Na madrugada desta sexta-feira (5), a sister conversava sobre possíveis acontecimentos fora do reality show quando disparou: "Impeachment de algum presidente, de algum país? Não do nosso, eu gosto dele".

Após perceber que havia falado além do que deveria, a brasiliense tentou reverter a situação, mas já era tarde demais. Nas redes sociais, Bruno Gagliasso, Fernanda Paes Leme, João Vicente, Tessália Condoy, Felipe Neto e outros famosos vieram a público retirar o apoio à consultora de marketing digital. Confira:

"A fabrica de pano fechou kkkkkkk", comentou Bruno Gagliasso, que acrescentou: " e eeeeu, parapapa gostava tanto de voceeeee... parapapapa".

A atriz e apresentadora Fernanda Paes Leme deu adeus a participante: "Estrategista do #bbb21 abaixa demais e deixa o bolsonarismo à mostra. Tchau, Sarah. Larguei sua mão".

O youtuber Felipe Neto, ferrenho crítico a Bolsonaro, afirmou que gostar de Bolsonaro é "desumanidade". "Sou contra cortar laços só por opinião política. Temos q conviver com a diferença. Agora, se a pessoa gosta de um fascista genocida diretamente responsável por 260 mil mortes, defensor de tortura e ditaduras... Aí não é 'opinião política diferente', é desumanidade", bradou.

Tessália Condoy, que participou do reality em 2010, afirmou que não existe desculpas para a atitude da sister.

João Vicente, que havia revelado crush na brasiliense, publicou que o amor acabou.

BBB21: Sarah diz que seguia Bolsonaro

Em outro episódio na casa, Sarah já havia relatado seguir Bolsonaro. Durante a madrugada de segunda-feira (1), ela contou que deixou de seguir o presidente pouco antes de entrar no BBB21.  A revelação da consultora de marketing aconteceu em conversa com FiukLumena e Thaís Braz sobre os vazamentos dos participantes antes do programa estrear.

A cirurgiã-dentista disse que uma das meninas que entraria no grupo Pipoca não entrou porque seguia o presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais. A “espiã infiltrada” confirmou a história e disse que deixou de seguir o presidente antes de entrar no programa.

"Uma menina, eles acharam o Instagram dela e cancelaram a menina porque ela seguia o Bolsonaro. Ela não entrou", contou Thaís. "Tanto aconteceu isso, que eu seguia ele e parei de seguir. Não vou mentir. Eu gostava de ver o que era postado. Aí, eu vi e: 'Ui! Vou parar de seguir", afirmou a brasiliense.


Fique por dentro dos principais acontecimentos do Big Brother Brasil 21 acessando o canal exclusivo do NaTelinha sobre o reality.



Mais Notícias