Reportar
erro
Reconheceu

Dourado nega ser "hétero top" e se arrepende de falas no BBB: "Caminho não é a repressão"

Campeão da 10ª edição assumiu comentário homofóbico no reality show da Globo


Marcelo Dourado em depoimento para o podcast Efeito Tsunami
"O caminho não é a repressão", disse Marcelo Dourado ao relembrar frase polêmica no BBB - Foto: Reprodução
Por Redação NT

Publicado em 05/03/2022 às 14:35:00

O lutador Marcelo Dourado, campeão do BBB 10, ganhou popularidade para vencer o reality show da Globo muito calcado por suas falas polêmicas no programa. Já à época, alguns de seus comentários foram apontados como homofobia. Doze anos depois, ele confessou que se arrepende de algumas falas e garantiu não ser “hétero top”.

“Sou hétero? Beleza, sou hétero. Mas hétero top? Hétero top é aquele cara que anda de sapatênis, bermudinha, camisa aberta, que chega dando ideia em tudo que é menina. Não fiz nada disso na minha vida”, garantiu Marcelo Dourado em depoimento para o podcast Efeito Tsunami.

O vencedor do BBB 10, que já havia participado do BBB 4 e retornou ao jogo seis anos depois, relembrou a briga que teve com Dicésar. Na ocasião, o colega disse que o mundo era gay e ouviu do lutador um discurso sobre “orgulho hétero”. Hoje, o campeão fez sua mea culpa pelo comentário.

“Não tinha entendido a conotação de resistência que tinha nessa frase, de visibilidade. Mesmo nos países onde dizem que não tem gay, tem gay, sim. Eles só não podem aparecer porque vão ser mortos, hostilizados. O caminho não é a repressão.”

Marcelo Dourado já havia se desculpado por exaltar "orgulho hétero" no BBB 10

Em fevereiro, Marcelo Dourado publicou um vídeo em que se desculpa por algumas falas ditas por ele na época do reality show. Provocando o colega de confinamento Dicesar, o gaúcho usou expressões como "orgulho hétero" e "resistência heterossexual".

"Não pretendo com esse vídeo a amizade nem a simpatia de ninguém. Apenas reparar um erro histórico que eu falei e reconhecer o meu erro, que pode ter sido interpretado como uma fala preconceituosa", começou.

Logo no início da gravação, Dourado lembra das declarações polêmicas. "Rola um vídeo meu de tempos em tempos na internet, onde eu falo 'orgulho hétero' e 'resistência heterossexual', que foi dito dentro de um reality show, sob condições controladas e específicas, eu sofrendo muita pressão psicológica e provocações diárias dos meus adversários."

"Nada disso apaga o fato de que eu era um cara muito mais ignorante 12 anos atrás do que sou hoje. E eu não percebi na hora que a frase que o meu adversário falava, 'o mundo é gay', era uma frase de resistência e inclusão", alegou.

Acompanhe a TV NaTelinha no YouTube

Resumos de novelas, entrevistas exclusivas, bastidores da televisão, famosos, opiniões, lives e muito mais!

Inscreva-se
Mais Notícias
Outros Famosos