Agora vai

Biografia de Xuxa ganha fôlego e previsão de estreia no Globoplay

Xuxa terá série sobre sua vida


Xuxa sorrindo com plantas ao fundo
Xuxa será tema de série do Globoplay - Foto: Divulgação

Fora da Globo desde 2014 como contratada, Xuxa será tema de uma série no Globoplay que deve ir ao ar em 2024. A produção ficcional já começou a ficar a todo vapor e agora passará pelo processo de escalação

De acordo com informações do jornal O Globo desta quarta-feira (20), a série acompanha o roteiro de Patrícia Corso e Clara Peltier. A direção cabe a Dani de Carlo. A série retratará não só a vida de Xuxa em frente às câmeras, mas também nos bastidores.

A Rainha dos Baixinhos vive um novo momento na carreira. Ela também lançou um livro recentemente e fará um trabalho bem diferente na série Tarã, do Disney+. Ela viverá uma farmacêutica que trabalha na indústria de remédios filoterápicos e será mãe do protagonista.

Segundo o jornal O Globo , ela será mãe de uma menina de 14 anos de idade descendente de um povo originário da Amazônia. Há algum tempo, a personagem da loira havia ido à região para fazer uma pesquisa profissional e se envolveu com um homem do local. Engravidou, mas voltou para o Rio de Janeiro e cuidou sozinha da filha.

Quando a moça menstruar pela primeira vez, receberá um chamado do seu povo e retornará ao local, que fica na fronteira com o Peru. A partir daí, a história acontecerá mesclando elementos de fantasia e temas importantes e atuais.

O novo trabalho de Xuxa

imagem-texto

Fora da TV aberta desde 2020, Xuxa emendará esse trabalho depois de finalizar completamente o reality Caravana das Drags, da Amazon Prime Video. As gravações ocorrem no Nordeste e a estreia, pelo menos a princípio, ficará para 2023. Ikaro Kadoshi dividirá a apresentação com a loira. Cada episódio consistirá na dupla mostrando provas e dinâmicas com as candidatas.

A agenda de Xuxa não para por aí: a Rainha dos Baixinhos também terá pela frente uma série documental no Globoplay. Ela já gravou, inclusive, seu reencontro com a ex-empresária Marlene Mattos. E também se reuniu com Marcelo Ribeiro, com quem contracenou no polêmico filme Amor, Estranho Amor (1982). O streaming do Grupo Globo exibirá ainda uma produção intitulada Rainha, mas ficcional, prevista para ir ao ar em 2024.

Em 2023, Xuxa completará meio século de vida. Ela iniciou sua carreira como apresentadora em 1983 no comando do programa Clube da Criança (1983-1986), na extinta TV Manchete (1983-1999). Em 1986, se mudou para a Globo e engatou consecutivos sucessos na emissora durante os anos 90, além de ter feito inúmeros filmes.

Nos anos 2000, buscando fazer uma transição de público, teve outros projetos na Globo como o TV Xuxa (2005-2014) e o Conexão Xuxa (2008). Sem espaço na emissora como outrora, mudou de ares em 2015 aceitando uma proposta da Record.

Na nova casa, apresentou um programa que levava seu nome nas noites de segunda-feira, mas foi nos realities que mais deu seu ar da graça. Apresentou o Dancing Brasil (2017-2019), The Four Brasil (2019-2020) e uma edição especial do Canta Comigo All Stars (2020).

TAGS:
Mais Notícias