Reportar erro
Às turras

Império: Maria Marta se declara e ganha beijaço de José Alfredo

Casal viverá entre tapas e beijos até os últimos capítulos da novela

Alexandre Nero e Lilia Cabral em cena de beijo dos personagens José Alfredo e Maria Marta na novela Império, em reprise na Globo
Em Império, José Alfredo dá beijo de tirar o fôlego em Maria Marta na reta final da história - Foto: Reprodução/Globo
Walter Felix

Publicado em 19/09/2021 às 12:00:12

Em Império, José Alfredo (Alexandre Nero) e Maria Marta (Lilia Cabral) vão viver às turras até nos momentos derradeiros da história. Nos últimos capítulos, contudo, a aristocrata vai declarar seu amor ao marido e ao casamento entre eles. Balançado, o Comendador esquece por um instante de Maria Ísis (Marina Ruy Barbosa) e dá um beijaço na esposa.

Na última semana de Império, Maria Clara (Andreia Horta) desiste de se casar com Vicente (Rafael Cardoso) porque sabe que o noivo é apaixonado por Cristina (Leandra Leal). No dia da cerimônia, ela faz a irmã se vestir a caráter e é a sobrinha de Cora (Marjorie Estiano) quem sobe ao altar. Toda a confusão deixa José Alfredo e Maria Marta boquiabertos.

“Você acha mesmo que ela agiu certo?”, indaga a mãe de José Pedro (Caio Blat). “Tenho certeza disso”, responde o Comendador. “Para você, tanto faz como tanto fez, não é? Casou uma filha, de qualquer jeito. Já para mim, não. É mais um escândalo para a coleção”, retruca a granfina. “Já devia ter se acostumado então”, cutuca o empresário.

Em seguida, ele esclarece que se preocupa com a felicidade da filha do meio: “Eu me importo, sim, Marta, e fico muito feliz pela Clara. Porque não existe nada pior nesse mundo do que casar por qualquer motivo que não seja amor. Era isso que ela ia fazer: casar por capricho para impedir a felicidade da irmã”.

“Como se a gente viesse ao mundo para ser feliz”, ironiza a Imperatriz. “Olha, Marta, você pode ter vindo para azucrinar os outros, mas o resto do mundo… Se não é para ser feliz, serve para quê?”, reflete ele, que ouve: “Para desperdiçar o nosso pouco tempo com bobagens, e esquecer que um dia a nossa passagem por aqui termina. No dia da nossa morte”.

Em Império, Maria Marta constata: “E depois desse beijo, ele vai para os braços da outra”

Império: Maria Marta se declara e ganha beijaço de José Alfredo

Mais tarde, a dupla seguirá trocando alfinetadas na despedida de Cristina e Vicente. A megera do nariz em pé reage à notícia de que os noivos vão passar a noite de núpcias na casa da moça em Santa Teresa. “Como é que pode, né? Lua de mel em um quartinho pequeno, apertado, sem ar condicionado. Eu tô em chamas”, debocha.

“É, Marta, você não entende mesmo. O que existe dentro da pessoa vale muito mais do que está fora. De que adiantou, por exemplo, nossa lua-de-mel em um hotel cinco estrelas em Geneve?”, dispara José Alfredo, sem perceber que tocou no ponto fraco da esposa. Em seguida, ela não deixa o comentário por menos, e responde à pergunta do amado:

“Sinceramente, Zé… Uma vida fantástica, maravilhosa, com todos os momentos que um verdadeiro casal tem direito! Inclusive aqueles de pura baixaria. Nós fomos muito felizes, Zé. Demais da conta. Teve dias, às vezes, em que nós explodimos de tanta felicidade. E não adianta dizer ou fingir que não foi assim.”

Comovido, o Comendador responde: “Eu sei que foi”. Depois, ele vai até Maria Marta e lhe dá um beijo de tirar o fôlego ao som da canção Dona, do grupo Roupa Nova. Os dois se olham por alguns segundos após o beijaço e o namorado de Maria Ísis sai em seguida. “E depois desse beijo, ele vai para os braços da outra”, constata a madame.




Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias