Reportar erro
Banho de sangue

Império: 7 mortes marcam os últimos capítulos

Novela terá cinco assassinatos e dois acidentes na reta final

Marjorie Estiano e Alexandre Nero como Cora e José Alfredo em cena da novela Império, em reprise na Globo
Em Império, Cora salva a vida do Comendador e morre nos braços do amado - Foto: Reprodução/Globo
Walter Felix

Publicado em 15/08/2021 às 08:59:00

Sete mortes vão movimentar os próximos capítulos de Império, em reprise na Globo. Serão cinco assassinatos e mais dois acidentes na reta final da novela de Aguinaldo Silva, sem contar o falso falecimento de José Alfredo (Alexandre Nero), que já mudou os rumos da história na última semana.

Confira, a seguir, quem vai bater as botas nos últimos capítulos de Império:

Reginaldo leva tiro e Jurema rola escada

Império: 7 mortes marcam os últimos capítulos

Após rejuvenescer 30 anos, Cora (Marjorie Estiano) vai cair nas graças de Reginaldo (Flávio Galvão), que passa a fazer de tudo para tirar a virgindade da vilã. Ela, contudo, não dá bola para o pilantra e só deseja se entregar ao Comendador, por quem segue alimentando a paixão não correspondida.

Certo dia, Reginaldo invade o quarto de Cora disposto a estuprá-la. A cena é flagrada por Jurema (Elizângela), a primeira esposa do cafajeste. A nordestina sai dali descontrolada e, acidentalmente, acaba rolando as escadas. Em seguida, a tia de Cristina surge na sala armada e atira duas vezes no abusador, que também morre na hora.

Cora é assassinada no lugar do Comendador

Império: 7 mortes marcam os últimos capítulos

Durante um desfile no Carnaval, em que José Alfredo será tema de uma escola de samba, Maurílio (Carmo Dalla Vecchia) verá a chance de se livrar de vez do inimigo. Ele aproveita a oportunidade para planejar um atentado contra o Comendador. Só que Cora descobre tudo e se mete na frente do amado, em cima de um carro alegórico, para protegê-lo.

Cora leva o tiro destinado ao marido de Maria Marta (Lilia Cabral) e cai desfalecida em seus braços, quando ganhará um beijo dele. Ela ainda vai agonizar no hospital, onde sonha que o bonitão finalmente lhe tira a virgindade. A cena, claro, não passa de uma alucinação da carola, que parte desta para uma pior sem ter, de fato, uma noite de amor com o milionário.

Carmen implora por ajuda de Salvador e morre queimada

Império: 7 mortes marcam os últimos capítulos

A relação entre Carmen (Ana Carolina Dias) e Orville (Paulo Rocha) não vai durar muito. O marchand se regenera no decorrer da história, enquanto a comparsa segue mau-caráter. A advogada até arranja outro cúmplice, Jonas (Luca de Castro), para seguir se dando bem no mercado das artes, mas acaba traída pelo vigarista.

Para se vingar, Carmen decide atear fogo na galera de arte de Jonas. Após incendiar o local, a megera percebe que a porta está trancada e não consegue sair dali. Ela chega a ligar para Orville, mas quem atende é Salvador (Paulo Vilhena), que reage indiferente à súplica por ajuda de sua algoz. “Que morra”, diz, antes de encerrar a ligação.

Maurílio e Silviano são baleados no último capítulo

Império: 7 mortes marcam os últimos capítulos

No fim, descobre-se que José Pedro (Caio Blat) é Fabrício Melgaço, o vilão que não mede esforços para matar o Comendador. Além disso, Maurílio e Silviano (Othon Bastos), pai e filho, são cúmplices do primogênito de Maria Marta. No último capítulo, o trio sequestra Cristina (Leandra Leal) para atrair José Alfredo e finalmente matá-lo.

Contudo, o plano dos bandidos não sai como esperado. O Comendador aparece no cativeiro, mas consegue ser mais rápido que os criminosos. Maurílio morre com um tiro de José Alfredo. Já Silviano, ao tentar balear Josué (Roberto Birindelli), sucumbe ao disparo do capanga de seu rival. Os dois morrem no local.

Comendador leva tiro pelas costas

Império: 7 mortes marcam os últimos capítulos

Na sequência, José Alfredo consegue desarmar José Pedro e aponta uma arma para o vilão no clímax do desfecho. Só que o milionário não terá coragem de matar o próprio filho e permite que ele fique vivo. Na saída do cativeiro, ao dar as costas para o herdeiro, ele não desconfia que o marido de Danielle (Maria Ribeiro) tem uma arma escondida.

José Pedro atira contra o próprio pai, pelas costas, e o Comendador cai morto. A cena é vista com perplexidade por Cristina, que impede que o irmão cometa suicídio na sequência e dá uma verdadeiro surra no assassino. O psicopata vai apodrecer seus dias na cadeia, enquanto os Medeiros deverão seguir seus dias sem o patriarca.


Fique por dentro dos próximos capítulos de Império e outras produções acessando o canal de Novelas do NaTelinha.

Quer saber mais? Confira o resumo semanal da novela Império de 16/08/2021 a 21/08/2021.



Mais Notícias