Reportar erro
Jade de volta

Os bastidores da escolha de O Clone no Vale a Pena Ver de Novo

Novela disputou com outros medalhões da Globo

Cena de O Clone com Jade dançando para Lucas
Novela O Clone voltará no Vale a Pena Ver de Novo - Foto: Reprodução/Globoplay
Daniel César

Publicado em 01/09/2021 às 04:26:00,
atualizado em 01/09/2021 às 09:20:22

A Globo surpreendeu ao anunciar nesta terça-feira (31) a substituta de Ti Ti Ti na faixa do Vale a Pena Ver de Novo como sendo O Clone. Embora a emissora tenha usado de muita pompa para fazer a divulgação, os bastidores da escolha não foram tão simples quanto foi sugerido e houve muito debate, inclusive veto de outras produções e a decisão passou obrigatoriamente pelos números do Ibope.

Segundo apurou o NaTelinha, O Clone foi escolhida simplesmente porque as chances de trazer resultado alto de Ibope são grandes. Isso não significa que a cúpula de dramaturgia não gosta da novela ou algo que o valha, mas que a decisão não foi pensando obrigatoriamente na qualidade da história, mas no que ela pode oferecer em curto prazo, o que a Globo precisa com urgência.

A reportagem ouviu pessoas ligadas ao setor logo depois do anúncio e a explicação foi uma só: O Clone é certeza de bons índices de audiência e é disso que o Vale a Pena Ver de Novo necessita neste momento. Com Ti Ti Ti acumulando baixo desempenho, a 'sala' para as novelas noturnas não tem funcionado e o efeito cascata tem gerado números fracos em todos os horários. Por isso, as reuniões indicavam que era necessário um medalhão e não havia espaço para erro neste momento, como o NaTelinha já havia antecipado com exclusividade.

Haviam outras tramas em disputa, mas todas foram ficando pelo caminho e, nas últimas semanas apenas três disputavam a vaga: Mulheres de Areia (1993), O Clone (2001) e A Favorita (2008), mas as outras foram vetadas e por motivos distintos. Apenas a produção protagonizada por Giovanna Antonelli e Murilo Benício foi unânime entre a dramaturgia, entretenimento e programação.

O Clone escolhida e outras vetadas

Os bastidores da escolha de O Clone no Vale a Pena Ver de Novo

O setor de programação vetou Mulheres de Areia por entender que a novela pode render mais no ano que vem, quando se comemora 100 anos de Ivani Ribeiro. A dramaturgia ainda não definiu se haverá o remake de Amor com Amor se Paga, já que o desejo de Villamarim é de que Alcides Nogueira produza sua novela inédita, mas não há martelo batido e, se o remake for feito, seriam duas tramas da mesma autora num ano importante para a história.

Com isso, restava A Favorita e O Clone em disputa e pesava contra a última o fato de que ela foi exibida recentemente no Viva e poderia fracassar, mas já houve comprovação de que o público é diferente e isso não preocupava. Contra a novela de João Emanuel Carneiro pesou o fato de que ela virou icônica e cult, mas passa longe de ser uma certeza de sucesso em audiência, tanto que na primeira exibição sofreu nas primeiras semanas e, no Globoplay, não figurou entre os maiores sucessos entre os folhetins que entraram no catálogo.

O Clone é certeza de sucesso

Os bastidores da escolha de O Clone no Vale a Pena Ver de Novo

Diante das dúvidas, Ricardo Waddington, diretor de entretenimento, deu sua opinião, segundo confirmaram fontes da Globo. Ele bateu o martelo por O Clone por entender que a novela de Gloria Perez tem alguns ingredientes que atraem o público do horário e que ficaram órfãos na faixa durante a exibição de Ti Ti ti. O chefão de entretenimento opinou que A Favorita pode ser um sucesso no Vale a Pena Ver de Novo, mas não agora.

Segundo Waddington teria declarado na reunião, a história de 2008 faria sucesso se recebesse com a faixa em alta, mas ter a responsabilidade de levantar os índices seria um risco desnecessário. Como o Vale a Pena faz parte dos atributos da programação, a decisão final ficou nas mãos de Amauri Soares, que acabou concordando com os argumentos e optou pelo O Clone.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
Mais Notícias