Estresse

Luisa Mell tem convulsão, cai no chão e é internada às pressas

A ativista postou uma série de Stories chorando


Luísa Mell chorando, deitada em cama de hospital, com aparelhos ligados a sua cabeça
Luisa Mell fez um desabafo internada em hospital - Reprodução/Instagram

Nesta quarta-feira (11), Luísa Mell publicou uma série de Stories em um estado preocupante. A ativista surgiu deitada em uma cama de hospital, visivelmente nervosa, e explicou aos seguidores o que estava acontecendo. "Vocês acreditam em uma coisa dessas? Gente, fui internada ontem, tive uma convulsão. Caí no chão, bati as minhas costas", contou ela, que ainda disse que os médicos ainda não descobriram o que provocou tudo isso.

"Não sabem ainda o que é, gente. Mas também é muito estresse. Não sei se consigo viver assim, todo mês implorando", continuou, chorando. Em seguida, a loira explicou que vive um estresse muito grande por conta do trabalho de resgate de animais que faz, o que também gera cobrança de todos os lados.

“O Brasil inteiro, todo mundo me pede para eu salvar cachorro. Quando não salvo, falam que eu sou uma farsa. E quando eu salvo, eu não me ajudo. Eu não aguento mais. Eu não sei o que fazer, juro que não sei mais, gente. Não posso me matar deste jeito”, lamentou, chorando e pedindo desculpas. Confira o desabafo:

Luisa Mell ajuda grávida a fugir da Ucrânia com cachorro: "Muito emocionante"

Luisa Mell tem convulsão, cai no chão e é internada às pressas

Em março, Luisa Mell usou o Instagram para tentar ajudar a bióloga brasileira Vanessa Rodrigues Granovski, que está grávida de 10 semanas, a fugir da guerra na Ucrânia sem ter que deixar seu buldogue para trás. Thor, de 12 anos, havia sido impedido de embarcar porque estavam exigindo a documentação do animal de estimação e alegando que seria perigoso transportar um cachorro de focinho curto. Ao NaTelinha, a ativista contou como foi o desenrolar da situação.

"Recebi um telefonema da Vanessa aos prantos, me pedindo ajuda, falando que só eu poderia ajudar porque ela estava grávida e já tinha deixado tudo pra trás, só tinha levado o cachorro. Mas o avião da FAB (Força Aérea Brasileira) que ia buscá-los não estava autorizado a trazer os pets e ela disse que só eu podia mudar isso", começou, antes de explicar as atitudes que tomou.

"Aí eu fiz um post, implorando ajuda pra Michelle [primeira-dama] e pro Bolsonaro. Pedi pra ela gravar um vídeo pra mim, pra eu postar também. E liguei pro Agustin, que eu conheço, que é o maquiador da Michelle, pedindo pra ele falar com ela. Liguei pros generais que eu tenho contato também, pedi pra Deus e o mundo, literalmente. Em pouco tempo eu tive uma resposta positiva do governo, que realmente resolveu trazer todos os animais, não só o da Vanessa."

"E também aceitar porque estavam com esse problema de vacinação, né? Porque sem carteirinha de vacinação não pode entrar no país. Mas eu expliquei pra eles que, com bomba na cabeça, nem eu ia lembrar de pegar carteirinha de vacinação. Então eles mudaram o protocolo, porque se trata de uma guerra", continuou.

Por fim, Luisa contou que foi pessoalmente receber Vanessa e vibrou com uma notícia. "Hoje eles chegaram aqui em Brasília e eu fui convidada pra recebê-los também. Foi muito, muito, muito emocionante. O pessoal das Forças Aéreas falou que é a primeira missão em que eles buscam os pets e que, a partir de agora, certamente vai ser o protocolo oficial pra todas as próximas missões. Então, pra mim é uma conquista muito grande", finalizou.

 

Siga a gente no Instagram

Acompanhe nosso perfil e fique por dentro das quentinhas da TV e famosos

ACESSE!
TAGS:
Mais Notícias
Outros Famosos