Com risadinha

José de Abreu encarna Nilo de Avenida Brasil e manda recado para Bolsonaro

O ator relembrou a risada de Nilo, vilão da trama de João Emanuel Carneiro


Montagem de fotos de José de Abreu, caracterizado como Nilo de Avenida Brasil, e Jair Bolsonaro
Vídeo de José de Abreu para Bolsonaro teve direito à risadinha de Nilo, de Avenida Brasil (2012) -

Nilo, personagem de José de Abreu em Avenida Brasil (2012), tinha muitas características detestáveis, mas uma das marcas que fez o vilão ficar marcado foi a risada que ele soltava sempre que via alguém se dando mal. Nesta quarta-feira (5), o ator relembrou o catador de lixo da trama de João Emanuel Carneiro para mandar um recado nada amigável ao presidente Jair Bolsonaro. "Ei, Bolsonaro, enfia a Rouanet no c*", falou ele, repetidamente, em vídeo publicado em seu perfil no Instagram.

A postagem é uma resposta às declarações do chefe do executivo em uma coletiva de imprensa da qual participou ao deixar o Hospital Vila Nova Star, em São Paulo. "Estamos mexendo na Lei Rouanet. Nós queremos a Lei Rouanet para atender aquele artista que está começando a carreira e não para figurões ou figuronas como a querida Ivete Sangalo. Ela está chateada, o Zé de Abreu está chateado, porque acabou aquela 'teta' deles gorda de pegar até R$ 10 milhões por ano e defender o presidente de plantão. Eu não quero que me defenda, eu quero que fale a verdade a meu respeito", disse o presidente.

Desde as eleições presidenciais de 2018, Bolsonaro deixou claro que alteraria as regras de funcionamento da Lei Rouanet, que busca apoiar financeiramente iniciativas artísticas e culturais no país. Mesmo sem querer seguir carreira política mais, José de Abreu usa suas redes sociais frequentemente para falar sobre o assunto e tece críticas sobre o governo atual.

Vídeo: Ivete Sangalo incentiva coro contra Bolsonaro em show: "Ei, Bolsonaro, vai tomar no c*"

Imagens de Ivete Sangalo em um show puxando coro contra o presidente Jair Bolsonaro viralizou no último sábado (30) nas redes sociais. Na gravação realizada em Natal (RN), a cantora incentivou a plateia com uma dancinha enquanto os fãs gritavam "Ei, Bolsonaro, vai tomar no c*". Quando o coro aumentava, a cantora mais incentivava. "Não ouvi! Tá baixinho! Vai acabar escutando de tão alto que foi", disse Ivete em show.

Vale lembrar que Ivete sempre foi criticada por não se posicionar sobre questões políticas, principalmente envolvendo temas mais polêmicos. Em junho, a artista se pronunciou pela primeira vez contra o governo Bolsonaro.

Ivete Sangalo não se calou sobre as críticas que o chefe do executivo vem enfrentando na luta contra o novo coronavírus (Covid-19). "Esse governo que aí está não me representa nem mesmo antes da ideia dele existir", publicou no início da tarde de terça-feira (22), no Instagram.

A cantora começou a postagem explicando que esse é um momento necessário para não deixar dúvidas no ar acerca do seu posicionamento. Após dizer que Bolsonaro não a representa, prosseguiu: "E isso vamos resolver quando unirmos forças nas próximas eleições através do voto".

"Agora vamos nos unir em prol do que podemos fazer nossos espaços para driblar essa desorganização que são: o uso de máscaras, higienização, vacinas e o que mais for necessário. Então, que possamos nos vacinar. Eu sou a favor de vacina para todos", encerrou Ivete.

 

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
Mais Notícias
Outros Famosos