Reportar erro
Luto

Morre o ícone drag queen Jane di Castro, aos 73 anos

Atriz batalhava contra o câncer

Jane di Castro
Jane di Castro - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 23/10/2020 às 15:58:12

Morreu nesta sexta-feira (23), aos 73 anos, Jani Di Castro, uma das grandes personalidades do movimento LGBTQIA+. A atriz estava internada num hospital de Ipanema, Zona Sul do Rio de Janeiro, não resistindo à complicações de um câncer.

Segundo informações da revista Quem, o velório da artista não será tradicional, nem mesmo com homenagens, em decorrência da pandemia de coronavírus. O corpo será cremado sem a presença de familiares e amigos.

Sempre discreta em sua vida pessoal, Jane era casada com Otávio Bonfim desde 2014, em uma festa coletiva que reuniu160 casais gays. Em 2018, ela ficou viúva, pois o companheiro também acabou não resistindo a uma batalha contra a mesma doença.

Carreira de Jane di Castro

A famosa foi um nome muito relevante na causa LGBTQIA+. Nascida Luiz de Castro no bairro de Oswaldo Cruz, ela era filha de mãe evangélica e pai militar. Mesmo com uma educação conservadora, não desistiu do sonho em seguir o trajeto pelos caminhos da arte.

Em 1966, estreou no teatro, onde protagonizou vários personagens marcantes. No espetáculo intitulado de Gay Fantasy, no qual também atuaram Rogéria, Marlene Casanova e Ney Latorraca, ela teve a oportunidade de ser dirigida por Bibi Ferreira, uma das mais conceituadas profissionais da área.

Na novela A Força do Querer, que está sendo reexibida na principal faixa nobre da Globo, ela fez uma breve participação, atuando ao lado de Silvero Pereira, que interpreta um transformista.

Mais Notícias
Outros Famosos