Sucesso

Além da Ilusão salva audiência da Globo, mas ainda fica atrás de reprises

Novela das 18h tem feito Cara e Coragem comer poeira às 19h e já sumiu em 2 pontos a média da antecessora na faixa, Nos Tempos do Imperador


Rafael Vitti e Larissa Manoela como Davi e Isadora na novela Além da Ilusão, em exibição na Globo
Rafael Vitti e Larissa Manoela estrelam Além da Ilusão, sucesso às 18h - Foto: Divulgação Globo/Fábio Rocha

A duas semanas do fim, Além da Ilusão já acumula uma média de audiência superior à da antecessora no horário, a problemática Nos Tempos do Imperador. Com uma média de 2 pontos acima da novela anterior, a trama encabeçada por Larissa Manoela e Rafael Vitti salvou a audiência da Globo às 18h, mas ainda está abaixo das reprises escaladas no início da pandemia da Covid-19 para a faixa.

Em fevereiro deste ano, Nos Tempos do Imperador chegou ao fim com 17,0 pontos na Grande São Paulo, de acordo com os dados do Kantar Ibope. Foi a menor média de uma novela das seis, superando o recorde negativo até então pertencente a Boogie Oogie (2014). Além do fraco apelo com o público, a produção teve bastidores problemáticos.

O fraco desempenho da trama comprometeu a estreia de Além da Ilusão. Com os números em baixa na época, a trama teve média de apenas 16,3 pontos na primeira semana, mas logo mostrou seu potencial, com índices ascendentes no primeiro semestre. O melhor feito foi em maio, com uma média semanal de 20,7 pontos entre os dias 16 e 21 daquele mês.

O folhetim de época também tem feito a moderninha Cara e Coragem, das sete, comer poeira. Tradicionalmente com uma audiência superior às histórias das seis, a faixa que vai ao ar logo antes do Jornal Nacional foi desbancada no último final de semana. Na sexta-feira (30), o placar foi de 20,3 a 20,1 para Além da Ilusão, que ampliou a vantagem no sábado (31): 19,6 contra 19,1.

Além da Ilusão deve ficar com audiência abaixo das reprises de Novo Mundo, Flor do Caribe e A Vida da Gente

A Vida da Gente
Marjorie Estiano, Fernanda Vasconcellos e Nicette Bruno em A Vida da Gente (2011), reprisada às 18h na pandemia - Foto: Reprodução/Globo

Ainda com duas semanas pela frente, o folhetim criado e escrito por Alessandra Poggi, com direção artística de Luiz Henrique Rios, tem uma média de 18,9 pontos. Como a trama está na reta final, a tendência é que a audiência cresça nos próximos dias e esse número ultrapasse os 19 pontos – ainda que dificilmente chegue a uma média de 20.

Com a elevação de público em relação à antecessora, Além da Ilusão faz a Globo respirar aliviada. Só que a história ainda fica abaixo das três reprises escaladas no início da pandemia, quando a produção de novelas inéditas foi interrompida para evitar a disseminação da Covid-19.

Primeiro repeteco, Novo Mundo (2017) ficou no ar entre 30 de março e 28 de agosto de 2020, acumulando média de 19,24 pontos. Os índices foram considerados fracos, na época, e justificaram até uma edição pesada nos capítulos originais para acelerar o fim da reprise. Depois, vieram Flor do Caribe (2013) e A Vida da Gente (2011) com médias de 20,19 e 19,49, respectivamente.

Além da Ilusão chega ao fim em 19 de agosto. No dia 22, estreia Mar do Sertão, novela de Mário Teixeira com direção de Allan Fiterman. A próxima trama das 18h da Globo tem Isadora Cruz, Sérgio Guizé, Renato Góes, José de Abreu, Débora Bloch e Giovana Cordeiro nos papéis principais.

O NaTelinha divulga todos os dias os resumos dos capítulos, detalhes dos personagens, entrevistas exclusivas com o elenco e spoiler da novela Além da Ilusão. Confira!

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias