Em rede social

Autora de Além da Ilusão rebate acusação de erro e defende trecho controverso

Cenas que foram ao ar recentemente mostram Iolanda tirando fotocópias das provas contra Joaquim; segundo Alessandra Poggi, máquinas já existiam no início dos anos 1940


Duda Brack como Iolanda em cena da novela Além da Ilusão, em exibição na Globo
Ato da vilã Iolanda (Duda Brack) rendeu crítica a Além da Ilusão, o que fez autora da novela se pronunciar na web - Foto: Reprodução/Globo
Por Walter Felix

Publicado em 03/08/2022 às 11:05:00,
atualizado em 03/08/2022 às 11:57:58

A autora de Além da Ilusão, Alessandra Poggi, rebateu críticas a um trecho da novela que foi ao ar nesta semana. Na trama ambientada em 1945, Iolanda (Duda Brack) tirou fotocópias das provas que incriminam Joaquim (Danilo Mesquita). Surgiu então a dúvida sobre a existência do equipamento no Brasil na época em que a história transcorre.

Na manhã desta quarta-feira (3), a colunista Patricia Kogut, do jornal O Globo, deu nota zero "para o fato de, em Além da Ilusão, Iolanda ter tirado fotocópias dos documentos que incriminam Joaquim". A jornalista explicou: "Que pessoa à frente do seu tempo: a primeira máquina de Xerox foi lançada nos EUA em 1949".

Poucas horas depois, Alessandra Poggi usou seu perfil no Instagram para rebater: “A máquina Xerox só foi inventada em 1949, mas antes havia outras formas de se fazer cópias de documentos, como mostram esses anúncios do jornal Correio da Manhã publicados em 1942 e 1943”. A imagem foi compartilhada pela escritora na mesma publicação.

A autora da novela das seis ainda acrescentou: “Eram chamadas de fotostáticas e demoravam de 12 a 15 minutos para serem feitas. E mais interessante: essas cópias tinham valor em matéria de prova por decreto de lei”. A postagem recebeu elogios, como os aplausos da atriz Olívia Araújo, a Augusta da trama da Globo.

“Sabia que a minha autora favorita jamais cometeria tamanha inverossimilhança”, elogiou uma seguidora da novelista. Outro opinou: “Esse trabalho de pesquisa importantíssimo para os autores/as de novelas precisa sempre ser exaltado e celebrado. São os pesquisadores que conectam o autor ao contexto e fazem com que as tramas estejam sincronizadas com a realidade mesmo que novela não precise necessariamente desse compromisso”.

Confira a publicação de Alessandra Poggi no Instagram:

Autora de Além da Ilusão rebate acusação de erro na novela

Além da Ilusão chega ao fim em 19 de agosto

imagem-texto

Criada e escrita por Alessandra Poggi com direção artística de Luiz Henrique Rios, a novela protagonizada por Larissa Manoela e Rafael Vitti reergueu a audiência da Globo às 18h, prejudicada com o fraco desempenho da antecessora, Nos Tempos do Imperador. Até o momento, Além da Ilusão tem média de 18,9 pontos na Grande São Paulo, de acordo com os dados do Kantar Ibope, enquanto a novela anterior registrou 17,0.

Além da Ilusão chega ao fim em 19 de agosto. No dia 22, estreia Mar do Sertão, novela de Mário Teixeira com direção de Allan Fiterman. A próxima trama das 18h da Globo tem Isadora Cruz, Sérgio Guizé, Renato Góes, José de Abreu, Débora Bloch e Giovana Cordeiro nos papéis principais.

O NaTelinha divulga todos os dias os resumos dos capítulos, detalhes dos personagens, entrevistas exclusivas com o elenco e spoiler da novela Além da Ilusão. Confira!

Acompanhe a TV NaTelinha no YouTube

Resumos de novelas, entrevistas exclusivas, bastidores da televisão, famosos, opiniões, lives e muito mais!

Inscreva-se
Mais Notícias