Apoio

Fátima Bernardes se pronuncia sobre o caso Klara Castanho e fala sobre julgamento

Apresentadora conversou com uma advogada e falou sobre o caso da atriz


Fátima Bernardes e Klara Castanho em foto montagem
Fátima Bernardes teve conversa com advogada para falar do caso - Foto: Reprodução/TV Globo
Por Thiago Forato

Publicado em 27/06/2022 às 11:15:39,
atualizado em 27/06/2022 às 11:56:43

Fátima Bernardes abriu o Encontro desta segunda-feira (27) e falou sobre o caso Klara Castanho, que revelou ter sido estuprada e como fruto disso, engravidou e doou a criança para a adoção. A titular do matutino da Globo, assim como Ana Maria Braga, reforçou o apoio à atriz de 21 anos de idade. "Não cabe a nós nenhum julgamento", afirmou.

A apresentadora conversou com Luciana Temer, advogada e professora de Direito Constitucional, que reforçou que todo aborto de corrente de estupro é legal, e a decisão da mulher em doar a criança é amparada pela lei em qualquer caso. "Qualquer mulher que queira doar é garantido até o sigilo", salientou.

"A questão emocional, fez com que ela entendesse que ela não seria a melhor pessoa para cuidar", disse Fátima. "Sem dúvida. Quem decide se tem ou não tem condições de cuidar é a mulher que teve filho. A gente vê que ela teve posição amorosa com relação a criança. Mulheres que são vítimas de estupro sabe que é difícil criar amorosamente criar um filho. Existe [quem queira cuidar], é loucável, mas é muito difícil", reconheceu a advogada.

Pode haver punição para quem vazou informações de Klara Castanho

imagem-texto

A advogada, questionada por Fátima, se pode haver punições para quem vazou a informação de dentro do hospital, assegurou que sim. "Há responsabilização, dependendo da situação tanto na espera penal como difamação, cabendo indenização. "Temos que olhar seriamente pora esse vazamento, mas isso acontece no sistema de justiça, policia, judiciário... Eles vazam pra imprensa quando a pessoa é conhecida e isso é inaceitável", lamentou Luciana.

No último sábado (25), a atriz de 21 anos se pronunciou sobre os burburinhos que tomaram conta da internet. Ela confirmou que, de fato ficou grávida e entregou o bebê para doação, mas revelou uma história muito mais perversa e dolorosa: um estupro. Em um longo desabafo, a jovem deu detalhes de tudo o que aconteceu, no que ela classificou como o momento mais difícil de sua vida.

Klara Castanho é considerada uma das grandes atrizes da nova geração e tem protagonizado filmes para adolescentes na Netflix. Ela acabou marcada durante todo o fim de semana, após um vídeo no TikTok denunciar que ela engravidou, teve um parto às escondidas e teria supostamente entregado o bebê para a doação. Ao longo de todo o dia o nome dela ficou nos Trending Topics.

No início da noite, a atriz se manifestou e confirmou os boatos, mas trouxe a revelação. "Esse é o relato mais difícil da minha vida. Pensei que levaria essa dor e esse peso somente comigo. Sempre mantive a minha vida afetiva privada, assim, expô-la dessa maneira é algo que me apavora e remexe com dores profundas e recentes", escreveu ela, que revelou ter sido estuprada.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias