Reportar erro
Polêmica

Patrícia Abravanel detona Kajuru sobre briga com Luciana Gimenez: "Venenoso"

Apresentadora demonstrou incômodo com o senador

Patrícia Abravanel criticou Jorge Kajuru
Patrícia Abravanel detonou Kajuru - Foto: Montagem
Redação NT

Publicado em 14/05/2021 às 16:17:00,
atualizado em 14/05/2021 às 16:30:29

Patrícia Abravanel criticou Jorge Kajuru e indagou como há pessoas que votam no senador, durante o programa Vem Pra Cá desta sexta-feira (14), no SBT. Durante o quadro de fofocas, a apresentadora chamou o jornalista de “venenoso” e disse que ficou muito irritada quando o político afirmou que Silvio Santos teve um relacionamento com Hebe.

“Nossa, que feio. O Kajuru, gente, sério, ele fala umas coisas”, desabafou Patrícia. “Eu não gosto muito do que você fala não, tá Kajuru? É sério, ele já falou do meu pai com a Hebe. Eu fiquei muito brava. Ele fala umas coisas que nem sei de onde que ele tira da cabeça dele“, disparou ela.

A comunicadora citou o senador porque estava comentando uma reportagem sobre o processo de Luciana Gimenez contra o jornalista. Ela declarou que o também apresentador é “venenoso” e o comparou com Fabíola Reipert e Leo Dias.

“Agora está falando que ela [Luciana Gimenez] é garota de programa. Ele gosta de falar mal de todo mundo. Esse aí é venenoso. Ele é igual a Fabíola [Reipert] da Record e o Leo Dias. Tudo venenoso”, comentou.

“Ele é Senador ainda. Vocês votam nesse cara ainda. Ele vai ficar bravo comigo. Vocês votam nesse cara, ele é maldoso, fala mal de todo mundo. Vai falar mal de mim agora, vocês vão ver”, acrescentou.

Patrícia Abravanel repercute briga de Kajuru e Luciana Gimenez

A Justiça de São Paulo decidiu que os processos de Luciana Gimenez contra Jorge Kajuru e Antonia Fontenelle serão julgados em conjunto. As duas ações envolvem a entrevista polêmica do senador ao canal NaLata, onde fez sérias acusações contra a apresentadora da RedeTV!

Segundo informações da colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, o processo contra Fontenelle, que estava em trâmite na 3ª Vara Cível do Foro Regional XI, de Pinheiros, fez menção a ação onde Kajuru é réu, uma vez que se direciona à mesma live no YouTube. Desta forma, o magistrado entendeu que, para evitar decisões conflitantes, as duas devem ser decididas pelo mesmo juiz.

"Eu me sinto humilhada, diminuída e tenho vergonha dos meus filhos lerem essas inverdades nas redes sociais. Acho que estou no meu limite. Não é de hoje que sofro ataques como ser humano. Já fui chamada de burra, interesseira e as mais recentes onde minha honra mais uma vez é questionada. Será que cada pessoa que fala esse tipo de coisa gostaria de ouvir alguém chamá-las ou pessoas de sua família das ofensas que elas propagam?", chegou a desabafar a apresentadora por conta do processo.



Mais Notícias