O traidor da Pátria

Nos Tempos do Imperador: Tonico trai a Pátria em troca de barras de ouro

Deputado esquece o que passou nas mãos de ditador paraguaio e faz novo acordo


Tonico segurando a bandeira da república em cena de Nos Tempos do Imperador
Tonico faz aliança com inimigo em Nos Tempos do Imperador - Reprodução/TV Globo

Nos próximos capítulos de Nos Tempos do Imperador, Tonico (Alexandre Nero) se surpreende com a visita de Elisa Lynch (Lana Rhodes). A mulher de Solano López (Roberto Birindelli) será intermediária de uma proposta do ditador paraguaio para que traia dom Pedro (Selton Mello) na guerra. O político estranha, já que não faz muito tempo ele se ofereceu para ajudar o inimigo e por pouco não morreu queimado. Sedutora, a loira convencerá o pilantra com uma mala cheia de barras de ouro.

Não é segredo para ninguém que o dono do Jornal O Berro é capaz de vender a alma ao diabo para conseguir o que quer. Que dirá entregar o Brasil por uma boa quantia em dinheiro. E será justamente isso o que o marido de Dolores (Dahpne Bozaski) irá fazer muito em breve. Depois de se aliar às tropas paraguaias na guerra e quase virar churrasquinho nas mãos de Solano López, o deputado aceita ajudar o ditador outra vez.

O convite virá através de uma visita surpresa de Elisa Lynch, o que deixará o ex-amante de Zayla (Heslaine Vieira) intrigado. A loira dirá que o marido lhe enviou para falar sobre uma aliança entre eles dois.

Tonico não perde a oportunidade de jogar na cara que quis fazer isso lá trás, mas o ditador recusou. Ela, então, explica que numa guerra as coisas mudam de uma hora para outra, e convence o calhorda a entregar seu país em troca de uma mala de barras de ouro. Saiba mais!

Em Nos Tempos do Imperador, Tonico negocia o Brasil a peso de ouro

Nos Tempos do Imperador: Tonico trai a Pátria em troca de barras de ouro

Nos próximos capítulos da novela Nos Tempos do Imperador. Tonico volta a fazer negócio com Solano López. Procurado pela mulher do ditador paraguaio, o deputado concorda em ajudar o país inimigo a vencer a guerra. Elisa Lynch surge de surpresa na frente do marido de Dolores e avisa que tem um recado importante. A loira explica o que o marido quer firmar uma nova parceria com o inimigo de dom Pedro, mas o deputado desconfia.

“Solano López quer negociar? Curioso. Em Uruguaiana, o homem me desprezou como se eu fosse um piolho! Da crina do cavalo“, joga na cara o dono do jornal O Berro.

Quando estava junto às tropas brasileiras, Tonico foi conversar com Solano e acabou preso em uma cabana. Ele só não morreu queimado porque Samuel (Michel Gomes) o tirou de lá.

“Na guerra, as coisas mudam muito rapidamente. E, na atual conjuntura, o deputado é uma peça chave para a vitória do Paraguai“, rebate, Elisa, toda sedutora para cima do vilão.

A loira explica que seu marido deseja saber quais serão os próximos passos do imperador. “Descubro qualquer coisa! Aquela Câmara dos Deputados é um disse me disse… Mas, como tudo na vida, informação de qualidade tem seu preço”, dispara o político.

A mulher do ditador abre uma mala contendo barras de ouro. Diante de um argumento tão convincente, Tonico se rende na hora. “Seja o que Deus quiser. E que Ele queira que o Paraguai ganhe essa guerra“, decreta o interesseiro.

“Deus está sempre do lado dos vencedores. Por isso, as guerras são tão fascinantes, deputado. É uma maneira de saber quem são os preferidos d’Ele”, responde a loira. A cena vai ao ar em breve na novela das seis.

NaTelinha divulga todos os dias os resumos dos capítulos, detalhes dos personagens, entrevistas exclusivas com o elenco e spoiler de Nos Tempos do Imperador. Confira!

 

 

Siga a gente no Instagram

Acompanhe nosso perfil e fique por dentro das quentinhas da TV e famosos

ACESSE!
Mais Notícias