Reportar erro
No SBT

Nova versão de A Usurpadora aposta em rosto desconhecido e 'Jade' latina

Protagonistas nunca apareceram em novelas exibidas no Brasil

Paola e Paulina, da nova versão de A Usurpadora
Novela A Usurpadora, em sua nova versão, estreará no SBT - Foto: Divulgação/Televisa
Daniel César

Publicado em 17/09/2021 às 06:15:00

O SBT anunciou na última quinta-feira (16) que adquiriu a nova versão de A Usurpadora (La Usurpadora), que foi exibida em 2019 pela Televisa. A trama se baseia na obra original que chamou a atenção do mundo nos anos 90 e encantou os brasileiros, transformando Gaby Spanic num ícone latino. Agora, a história é protagonizada por Sandra Echeverría e Andrés Palacios.

Com 25 episódios, a nova versão da icônica novela de 1998, que havia sido protagonizada por Gaby Spanic e Fernando Colunga, possui diversas alterações, inclusive a inserção do universo político. Mas a base da história foi mantida, ou seja, a troca das gêmeas quando a malvada Paola obriga a boazinha Paulina a ocupar seu lugar na vida do marido Carlos.

A produção fez parte de um projeto da Televisa de revisitar diversas novelas icônicas em novas versões, dessa vez mais enxutas, quase como séries, com episódios semanais, mas mantendo a estrutura de novelas. Além de A Usurpadora, também foi planejada uma versão diferente de Rubi e outros projetos deverão renascer após a pandemia da Covid-19. A data para exibição do remake da novela no SBT ainda não foi divulgado, mas o folhetim está disponível no catálogo da Prime Video.

Veja quem são os protagonistas de A Usurpadora

Sandra Echeverría

Nova versão de A Usurpadora aposta em rosto desconhecido e

No papel de Paola e Paulina Bernal, o sobrenome foi modificado e o Bracho deu espaço ao outro, Sandra interpreta as gêmeas, uma boa e uma vilã. Assim que a novela foi aprovada, o nome dela ganhou espaço na imprensa latina e ela foi considerada a principal concorrente praticamente o tempo todo. No fim, as projeções se confirmaram e Sandra venceu a concorrência e se tornou a protagonista da história antes vivida por Gabi Spanic.

E o rosto dela pode não ser tão conhecida do público brasileiro, já que ela não fez nenhuma produção que foi levada ao ar no Brasil pelo SBT, mas a carreira da atriz é muito próxima do telespectador do Brasil. Isso porque, em 2010, Sandra foi a escolhida pela Telemundo para dar vida a ninguém menos que Jade, na versão latina de O Clone. Por coincidência ou não, a trama de Gloria Perez está em evidência neste momento porque foi a escolhida da Globo para reprisar no Vale a Pena Ver de Novo.

Além de ser uma atriz bastante seletiva, afinal ela conta com nove novelas em seu currículo, que se iniciou em 2002, Sandra gosta de variar. Ela já fez algumas séries nos EUA, inclusive com direito a participação em Criminal Minds e também investiu no cinema. Recentemente, ela virou evidência no México quando diversos nudes dela vazaram na internet. À época, Echeverría preferiu não comentar o assunto e registrou ocorrência contra o caso.

Andrés Palacios

Nova versão de A Usurpadora aposta em rosto desconhecido e

O parceiro de Sandra na trama, para dar vida a Carlos Bernald - o segundo nome do personagem, Daniel, da versão original, foi retirado - Andrés Palacio é um ator experiente com um currículo de 24 novelas. Mas ele nunca apareceu na tela brasileira, já que trabalhou para a TV Azteca e Telemundo durante quase toda a carreira e somente migrou para a Televisa em 2015. No canal parceiro do SBT, ele já esteve em seis novelas, mas nenhuma ainda foi ao ar no canal de Silvio Santos.

André foi o escolhido para interpretar o protagonista da história justamente por não ser um rosto mundialmente conhecido, mas um ator experiente e que, no México, é familiar de praticamente todo o público. Seu personagem teve uma alteração importante em relação à obra original, já que, neste caso, ele é um político influente do país latino.

Palácios é muito discreto em sua vida pessoal e, após as gravações de A Usurpadora, ele rapidamente aceitou novo projeto e aceitou protagonizar Império de Mentiras, também na Televisa. E foi neste projeto que ele teve um problema, já que acabou contraindo coronavírus enquanto estava gravando o folhetim, mas por sorte, se recuperou sem maiores complicações.



Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo