Reportar erro
Vida bandida

Pega Pega: Mônica deixa Evandro e retorna ao mundo do crime

Mulher de livreiro pertencia à quadrilha do pai de Malagueta e está foragida da polícia

Mônica disfarçada com um lenço na cabeça
Mônica abandona Evandro em Pega Pega - Reprodução/TV Globo
Taty Bruzzi

Publicado em 27/08/2021 às 06:49:00

Nos próximos capítulos de Pega Pega, Evandro (Paulo Vilhena) teme que a prisão de Júlio (Thiago Martins) coloque em risco a segurança de Mônica (Julia Lund) e a aconselha a ficar escondida. Foragida da polícia, a mulher do livreiro chegou a dizer que se soubesse da existência da mala com os dólares na vila teria roubado para patrocinar a fuga dos dois. O amigo do garçom reage, indignado. Já a ex-namorada de Malagueta (Marcelo Serrado) finge concordar com ele, mas foge na calada da noite.

No passado, a vizinha de Prazeres (Cristina Pereira) participou de um assalto em um posto de gasolina com a quadrilha do concierge do Carioca Palace. Com exceção de seus comparsas, ela foi a única que escapou da cadeia. Porém, desde então ela vem se escondendo com a ajuda de Evandro. Por isso, o livreiro insiste para que a mulher não saia de casa, dando a impressão de que ele a mantém presa.

Agora, com a confissão de Júlio sobre seu envolvimento no roubo do hotel, o amigo do garçom temerá que Mônica seja reconhecida e presa. Afinal, a vila onde moram ficará na mira dos noticiários policiais.

Durante conversa, o rapaz confessa que já sabia sobre a participação do vizinho no roubo do Carioca Palace e a bandida o repreende por tê-la deixado de fora, alegando que eles poderiam ter pego o dinheiro e fugido. Evandro a repreende e pede que não saia de casa por nada. Ela finge aceitar, mais o abandona. Dias antes, a bandida reconheceu Malagueta na rua e ficou mexida. Saiba mais!

Em Pega Pega, Evandro pede cuidado redobrado de Mônica com prisão do vizinho

Pega Pega: Mônica deixa Evandro e retorna ao mundo do crime

Nos próximos capítulos de Pega Pega, na Globo, Júlio se entrega pra polícia e confessa ser um do ladrões do Carioca Palace. Evandro implora à Mônica  que redobre os cuidados para não ser reconhecida. "Essa vila vai ferver de curiosos, repórteres. É capaz de a polícia querer falar com toda a vizinhança", se desespera.

"Essa vida ficou perigosa demais para a gente. Nunca poderia imaginar que o Júlio fosse capas de uma coisa dessas. Roubar US$ 40 milhões com aquela carinha de bom-moço', opina a bandida. É nessa hora que o livreiro conta que sabia de tudo. "No dia que fui à casa dele, eu encontrei com ele no porão. Ele estava mexendo na mala e nos dólares", recorda o marido de Mônica.

"Você sabia que tinha US$ 10 milhões escondidos naquela casa e não me disse nada?", questionará a ex-namorada de malagueta. Evandro estranha a reação da mulher e ela prova que continua malandra.

"Evandro, a gente podia ter roubado essa grana e desaparecido do mapa. Como você dá um vacilo desses?", indaga a vizinha de Júlio. "Quem roubava aqui era você!", dispara o rapaz ao afirmar que seria incapaz de cometer um crime.

"Meu amor, com esse dinheiro na mão, ninguém ia achar a gente. Nunca mais", argumentará, Mônica. O livreiro se mostra capaz de se mudar quantas vezes forem necessária para que ela não seja presa, mas jamais se tornaria um bandido. "Nem você seria capaz, porque você mudou. Aquela Mônica não existe mais", alega o rapaz. A pilantra fingirá que concorda com a marido, mas terá outros planos em mente.

"Você tem razão, meu amor. Você tem toda a razão", fala antes de lhe dar um beijo. Evandro avisa que está de saída e implora para que a mulher não se aproxime da porta. "Ninguém pode te reconhecer", fala.

A bandida faz sinal de que tem algo a dizer, mas volta atrás. "Eu te amo!", se declara. Na sequência, ela espera Evandro sair para se disfarçar com óculos escuros e um lenço na cabeça, e ir embora levando apenas uma mala.

A cena está prevista para o capítulo do dia 30 de agosto.




Mais Notícias