Reportar erro
Coincidência?

Sete vezes em que Pega Pega lembra O Grande Hotel Budapeste

As semelhanças entre a novela da Globo e O Grande Hotel Budapeste

Pedrinho com Nelito. Gustave e Zero
O que Pega Pega e O Grande Hotel Budapeste têm em comum - montagem
Taty Bruzzi

Publicado em 25/07/2021 às 09:31:00

Um hotel de luxo localizado na Europa viveu seus tempos de glória, hoje o dono está quebrado, mas se recusa a vendê-lo. De repente, acontece um roubo. O roteiro saiu de O Grande Hotel Budapeste, mas bem que poderia ser de Pega Pega. Assim como na novela lançada em 2017, de volta à programação da Globo, o filme de 2014 também tem como cenário principal um tradicional hotel e um dono excêntrico.

E como as coincidências não param por aí, o NaTelinha listou sete semelhanças entre a história do longa de Wes Anderson e o folhetim escrito por Claudia Souto. 

A produção brasileiro conta no seu elenco com nomes como Mateus Solano (Eric Ribeiro), Camila Queiroz (Luíza Guimarães), Vanessa Giácomo (Detetive Antônia Almeida), Thiago Martins (Júlio Almeida Mendes), Mariana Santos (Maria Pia Camargo), Marcelo Serrado (Malagueta) e Nanda Costa (Sandra Helena).

A estética de Pega Pega

Com nove indicações ao Oscar 2015, O Grande Hotel Budapeste venceu em 4 categorias técnicas, uma delas como melhor figurino e penteado. Tanto o filme quanto a novela se destacam pela estética, apostando nas cores fortes.

A abertura do folhetim em animação, por exemplo, mostra a movimentação dos hóspedes pelas dependências do luxuoso hotel, assim como no trailer do longa, que passeia por corredores, escadas e o famoso tapete vermelho.

Um hotel de luxo como cenário

Sete vezes em que Pega Pega lembra O Grande Hotel Budapeste

O cenário para essa história não poderia ser outro senão o de um hotel de luxo. De um lado temos O Grande Hotel Budapeste, localizado na República da Zubrowka, um estado fictício no centro da Europa.

Do outro lado o fictício Carioca Palace, que fica no bairro de Copacabana, um dos mais tradicionais do Rio de Janeiro, conhecido mundialmente e um dos cartões postais da cidade.

Venda do hotel por dificuldades financeiras

Como a história do filme se passa no período entre as duas guerras mundiais, o Hotel Budapeste foi se dizimando com o tempo. Passando por problemas financeiros, muitos de seus aposentos estão caindo aos pedaços e há poucos hóspedes. Apesar das dificuldades, Zero Moustafa (F. Murray Abraham) se nega a fechá-lo e resiste à ideia de vendê-lo.

Sete vezes em que Pega Pega lembra O Grande Hotel Budapeste

Já o Carioca Palace não chega a estar caindo aos pedaços, mas Pedrinho (Marcos Caruso) nem de longe está em seu tempo de glória. Seu dono pressa em vendê-lo enquanto ainda vale muito e pensa em refazer sua vida fora do Brasil. Já sua neta, Luiza (Camila Queiroz), é contra a venda do único patrimônio da família e, ao contrário de seu avô, pensa em administrar o hotel.

Herança

No filme, Monsieur Gustave H (Ralph Fienes) passa a noite com Madame D (Tilda Swinton) antes de ela seguir viagem. Um mês depois, o concierge do hotel descobre que a hóspede morreu e vai ao funeral. Na leitura do testamento, ele fica sabendo que herdou uma valiosa pintura, provocando a ira dos familiares.

Sete vezes em que Pega Pega lembra O Grande Hotel Budapeste

Em Pega Pega, a camareira Sandra Helena (Nanda Costa) herda metade da fortuna de uma hóspede do hotel, dona Marieta (Camila Amado), com quem teve uma relação de afeto maternal. Outra coincidência é quem ambos são presos, ele por uma injustiça. Já ela por causa do roubo dos dólares.

O roubo

Sete vezes em que Pega Pega lembra O Grande Hotel Budapeste

Na novela da Globo, Pedrinho vende o Carioca Palace para Eric (Mateus Solano) e exige que o pagamento seja feito em cash. O idoso pretendia sair do país com os dólares sem declarar, mas quatro funcionários do hotel descobrem, planejam e roubam o dinheiro.

Em O Grande Hotel Budapeste, Gustave herda "O menino com uma maçã" de Madame D., mas o filho da falecida não reconhece a doação e ordena a prisão do concierge. Ele rouba a obra e foge com ajuda de Zero, que se torna seu herdeiro e guarda o quadro em um cofre. Já o funcionário acaba preso acusado de matar a idosa.

O papel do concierge

Em Pega Pega, o grande articulador do roubo dos dólares é Malagueta (Marcelo Serrado), o concierge do Carioca Palace. É ele quem convence Sandra Helena, Agnaldo (João Baldasserini) e Júlio (Thiago Martins) a entrarem nessa jogada.

Sete vezes em que Pega Pega lembra O Grande Hotel Budapeste

Já no filme de Wes Anderson o roubo da obra do renascimento acontece meio que por acaso. Na verdade, Monssieur Gustave ganha o quadro de herança, mas a família de Madame D se nega a entregá-lo. Assim, o concierge de O Grande Hotel Budapeste acaba cometendo um furto.

Uma grande amizade

Em 1932, o concierge Gustave conhece o jovem Zero (Tony Revolori), um mensageiro recém-chegado a Zubrowka fugindo da guerra em seu país depois de perder seus familiares, e se tornam grandes amigos.

Sete vezes em que Pega Pega lembra O Grande Hotel Budapeste

Assim como a dupla de protagonistas do filme. no folhetim da Globo Pedrinho tem em Nelito (Rodrigo Fagundes) tem uma relação de amizade e fidelidade com o dono do Carioca Palace, tanto que era certa a mudança do mordomo acompanhar avô de Luiza e a moça para o exterior.

Fique por dentro dos próximos capítulos de Pega Pega e outras produções acessando o canal de Novelas do NaTelinha.

Mais Notícias