Reportar erro
Ela não desiste

Quando me Apaixono: Fina é capturada e presa após massacre em casamento

Vilã se disfarça de freira e atira em Gonzalo e Regina

Fina atrás das grades
Josefina é presa após tentar matar Regina e Gonzalo em Quando me Apaixono - Reprodução/SBT
Taty Bruzzi

Publicado em 26/11/2020 às 08:21:00

Nos próximos capítulos de Quando me Apaixono, Fina (Rocio Banquells) aparece no casamento de Regina (Julieta Rosen) e Gonzalo (René Casados) disfarçada de freira e atira nos noivos. Ela tenta fugir, mas será impedida por Jerônimo (Juan Soler). A vilã vai direto para a cadeia, já as vítimas serão levadas para o hospital. A mãe de Renata (Silvia Navarro) se recupera bem, mas os médicos não acreditam que o irmão de Constanza (Lourdes Munguia) consiga sobreviver.

Tudo acontece durante a cerimônia de casamento do tio de Roberta (Jessica Coch). Foragida desde que tentou matar a ex-cunhada e extorquiu dinheiro da noiva do seu ex-marido, Josefina arma tocaia para impedir a felicidade dos seus desafetos. A megera se disfarça de freira e consegue entrar sem ser reconhecida na igreja. Quando Regina e Gonzalo estiverem se beijando no altar, a vilã dispara a arma contra os noivos que caem o chão, feridos.

Ela aproveita a correria para fugir em um táxi, mas será perseguida por Jerônimo e Honório (Alfredo Adame) que a capturam. A polícia chega ao local e leva a bandida presa. Já o casal baleado será socorrido por uma ambulância e encaminhado ao hospital.

O casal terá que ser operado para a retirada das balas. Já a família aguarda por notícias na sala de espera. Com o fim dos procedimentos, o médico avisa que a mãe de Renata está bem, já o tio da moça tem poucas chances de sobreviver. Confira!

Em Quando me Apaixono, Josefina atira em Regina e Gonzalo

Quando me Apaixono: Fina é capturada e presa após massacre em casamento

Em Quando me Apaixono, Josefina vai destruir o sonho de Regina e Gonzalo. Disfarçada de freira, a vilã comparece à cerimônia de casamento deles e atira nos dois. “Essa é a última vez que você o beija, vadia!”, diz antes de disparar o revólver. A vilã sai correndo, rende um taxista e foge. Jerônimo e Honório a perseguem de carro. No meio do caminho, a mãe de Roberta ordena que o motorista pare, salta e começa a atirar nos dois.

A munição dela acaba e o dono de A Bonita parte para a luta corporal e a imobiliza até que a polícia chegue e a leve presa. Enquanto isso, uma ambulância socorre Regina e Gonzalo. “Eles não vão morrer. Eles não vão morrer”, se desespera Renata.

No caminho para o hospital, Regina abre os olhos e sussurra para a filha. "Renata, por quê? Por que agora, quando estou finalmente feliz?”, se lamenta a cunhada de Constanza. Ela pede notícias do marido e a mocinha avisa que ele também está sendo socorrido. A irmã de Roberta tenta acalmá-la e a desafeta de Fina promete que não irá morrer, pois quer muito ficar perto deles.

Quem também está descontrolada é a filha de Josefina. Amparada pela irmã, a patricinha chora por causa de Gonzalo. “Eu te amo papai. Você foi o primeiro na minha vida a me proteger, a me amar de verdade. Mais tarde também encontrei o amor com o Rafael [Sebastián Zurita] e ela o matou também. Você é meu pai verdadeiro”, fala em pensamento.

Na sequência, Jerônimo liga para Renata e avisa que Fina foi capturada e pede notícias dos recém-casados. A irmã de Roberta fala que os dois foram encaminhados para a sala de cirurgia e a família aguarda na sala de espera.

Os médicos conseguem remover a bala de Regina e garantem que ela passa bem. Já Gonzalo não terá a mesma sorte e pedem que os Monterrubios não criem expectativas e a família cai no choro. A cena vai ao ar em breve na novela do SBT.


Fique por dentro dos próximos capítulos de Quando me Apaixono e outras produções acessando o canal de Novelas do NaTelinha.   

Quer saber mais? Confira o resumo semanal da novela Quando me Apaixono de 23/11/2020 a 27/11/2020.     

Mais Notícias