Novo modelo

Universal e Cinemark fecham parceria para lançamento antecipado de filmes em casa

Medida passa valor entre estúdio e rede de cinema nos EUA

Universal e Cinemark fecham parceria para lançamento antecipado de filmes em casa
Universal fez acordo com rede de cinema para novo modelo de cinema - Divulgação

Redação NT

Publicado em 17/11/2020 às 11:44:18 ,
atualizado em 17/11/2020 às 11:57:09

A rede de cinemas Cinemark fechou uma parceria com a Universal Pictures para que ela ofereça seus filmes em lançamentos domésticos nos Estados Unidos em até 17 dias depois de sua estreia nos cinemas, de acordo com as empresas nessa segunda-feira (16).

O acordo é válido para os próximos anos e se assemelha ao que a Universal fez com a AMC Entertainment, maior rede de cinemas do mundo, mudando o padrão de lançamento tradicional de filmes.

Com o novo acordo, a Universal poderia oferecer filmes para a venda em serviços sob demanda depois de serem exibidos por pelo menos três finais de semanas nas telonas. Uma drástica mudança em relação à janela anterior, que era de aproximadamente 90 dias.

continua depois da publicidade

Redes de cinema relutam janela menor

Filmes que arrecadarem US$ 50 milhões nas bilheterias serão exclusivos nos cinemas por pelo menos cinco finais de semana, ou cerca de 31 dias, antes de serem oferecidos nas plataformas sob demanda.

Ainda há poucos filmes em cartaz, em virtude da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). As grandes redes fizeram empréstimos ou tomaram outras medidas para se manterem em operação, e operadoras menores apelaram ao governo norte-americano para conseguir auxílio até o final da crise.

As redes mais tradicionais de cinema relutam em reduzir a janela de exibição e ameaçam se recusar a exibi-los caso forem parar rápido em outras plataformas.

continua depois da publicidade

Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!