Biografia

"O autor de telenovelas não tem um segundo de descanso"

  • Nome: Maria Adelaide Almeida Santos do Amaral
  • Nascimento: 01/07/1942
  • Idade: 78 anos
  • Sígno: Câncer
  • Profissão: Dramaturga / Escritora / Jornalista
  • País: Portugal
  • Cidade: Alfena

Maria Adelaide Amaral é dramaturga, escritora e jornalista, famosa como autora de peças de teatro, novelas e minissérie. Nascida em Portugal, veio para o Brasil com a família na década de 1950. Formada em jornalismo, trabalhou para a Editora Abril e começou a escrever peças nos anos 1970.

Ingressou na TV como colaboradora em novelas, papel que desempenhou em títulos como Os Gigantes (1979), de Lauro César Muniz, e Meu Bem, Meu Mal (1990), de Cassiano Gabus Mendes. A partir dessa segunda experiência, seguiu a carreira como novelista, contribuindo com o texto de outras tramas. A estreia como autora titular foi com o remake de Anjo Mau (1997).

Nos anos seguintes, investiu nas minisséries, com retratos históricos do Brasil. Assinou grandes sucessos: A Muralha (2000), Os Maias (2001), A Casa das Sete Mulheres (2003), Um só Coração (2004), JK (2006), Queridos Amigos (2008), Dalva & Herivelto (2010) e Dercy de Verdade (2012).

Em novelas, também escreveu, em parceria com Vincent Villari, Ti Ti Ti (2010), outro remake de uma novela de Cassiano Gabus Mendes. Com Villari, também assinou Sangue Bom (2013) e A Lei do Amor (2016). Foi eleita em 2019 para a Cadeira 35 da Academia Paulista de Letras.