Reportar erro
Polêmica

Repórter da Globo é bloqueado por Mário Frias após questionar racismo

Luiz Teixeira questiona bloqueio de secretário especial da Cultura ao criticar fala racista sobre historiador

Montagem com foto do repórter da Globo Luiz Teixeira segurando o microfone da emissora e de máscara de proteção e  do atual secretário da cultura, Mário Frias de terno, gravata e mãos cruzadas
Repórter da Globo, Luiz Teixeira foi bloqueado por Mário Frias no Twitter após questionar racismo - Reprodução Twitter e Instagram
Redação NT

Publicado em 15/07/2021 às 16:21:18,
atualizado em 15/07/2021 às 16:27:49

Luiz Teixeira, repórter da Globo e do SporTV, foi bloqueado no Twitter por Mário Frias, atual secretário especial da Cultura do governo. O jornalista desabafou na rede social sobre o ocorrido: "Questionei um comentário racista e fui bloqueado. Nenhuma novidade vindo de quem vem, mas o Twitter já tomou alguma providência?", perguntou.

O ator Armando Babaioff respondeu Luiz dizendo que também foi bloqueado por Mário.

O jornalista se referia à comparação racista que Mário Frias fez ao dizer que o historiador negro Jones Emanoel "precisa de um bom banho". O comentário aconteceu depois que o historiador, militante do PCB (Partido Comunista Brasileiro), crítico do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), usou a rede social para dizer que "já tinha comprado fogos" com a notícia de que Bolsonaro seria transferido do Distrito Federal para São Paulo.

Jones postou na tarde desta quinta-feira (15) um texto sobre o que disse anteriormente: "Não sou obrigado a ter empatia com fascista e genocida. Bolsonaro opera a morte do povo brasileiro. Debochou inúmeros vezes das milhares de mortes na pandemia. Ele e seus aliados estão há meses fazendo graça com milhares de mortes. Não desejo nada de bom para esse fascista", disse.

Bruno Gagliassso se manifesta contra Mário Frias

O ator Bruno Gagliasso também usou a rede social para criticar a fala de Mário Frias, que respondeu. "Mais um dia comum no país em que os funcionários públicos deste governo se julgam no direito de ofender o povo. O problema de hoje é que racismo é crime, Mário Frias", escreveu ele. "Quem não te conhece que te compre, garoto. Beijo", respondeu o secretário.

Mário Frias, assim como Gagliasso, também já foi ator da Globo.  Ele atuou em Malhação (1997, 1998 e 1999), As Filhas da Mãe (2001), Senhora do Destino (2004), dentre outras.



Mais Notícias
Outros Famosos