Reportar erro
Polêmica

Wesley Safadão é acusado de ser "sommelier de vacina" e esposa de furar fila

Cantor também foi acusado, mas de tentar escolher imunizante e Thyane se vacinou antes da hora

Wesley Safadão e Thyane Dantas, de máscaras e em pé lado a lado, num posto de vacinação
Wesley Safadão e esposa estão enfrentando denúncias sobre vacinação - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 09/07/2021 às 15:05:33

A esposa do cantor Wesley Safadão, a modelo e influenciadora digital Thyane Dantas está sendo acusada de ter furado a fila de vacinação contra a covid-19. A mulher foi imunizada na última quinta-feira (08) em um dos pontos de vacinação na cidade de Fortaleza, mesmo estando fora da faixa-etária determinada pela Secretaria Municipal de Saúde como prioritária para esta fase da campanha. Já o cantor, sofre acusações de ter virado sommelier de vacina.

Segundo a própria Secretaria de Saúde, na data somente estavam autorizadas se vacinar com doses de imunizantes contra a Covid-19 grávidas e puérperas e pessoas com 32 anos ou mais. Nenhum dos casos se encaixa Thyane, já que a esposa de Safadão tem 30 anos e não poderia ter sido agendada, seguindo o critério estabelecido pela pasta responsável.

A assessoria do cantor alegou que a mulher foi vacinada com doses da sangria, a popular xepa, que é a sobra de vacinas ao longo do dia, sendo aplicadas para qualquer público que estiver presente. Mas este método não está institucionalizado na cidade de Fortaleza e a justificativa da assessoria foi questionada pela Prefeitura, que informou não existir possibilidade de vacinação em xepa às 11h da manhã, horário em que o casal foi imunizado.

Wesley Safadão escolheu vacina?

Diferente de Thyane, o nome de Wesley Safadão constava na lista disponibilizada pela prefeitura de Fortaleza, já que ele consta na faixa-etária autorizada para a vacinação no município. Mesmo assim, o cantor não compareceu ao local determinado, que seria o Centro de Eventos do Ceará, mas ele foi até um shopping, abrindo indícios de que ele teria tentado escolher qual a marca do imunizante a receber. Pora causa disso, o Ministério Público decidiu investigar o fato.

A prática de procurar uma marca da confiança para a vacinação ganhou o apelido de sommelier de vacina e é desaconselhada por especialistas. Alguns municípios do país decidiram criar mecanismos para impedir a prática, como jogar o paciente para o fim da fila quando ele se recusa a receber uma dose de determinada marca.

Já Safadão volta a aparecer em polêmica no meio da pandemia, já que o músico chegou a fazer um show em momento de isolamento social, sendo criticado por diversas pessoas, inclusive pela apresentadora Cátia Fonseca.



Mais Notícias
Outros Famosos