Reportar erro
Nada é como antes

Kelly Key relata consequências da Covid-19 e abalo por Paulo Gustavo

"Tenho orado muito por ele", diz sobre Paulo Gustavo

Kelly Key olhando para o além com cara de preocupada
Kelly Key afirma estar preocupada com momento da pandemia - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 19/04/2021 às 10:25:41

Kelly Key não passou imune à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A cantora chegou a contrair a doença, e embora tenha sido assintomática, viu a doença ter graves consequências em seu corpo. "Tive e não senti, mas ele ficou e se instalou nas minhas doenças autoimunes, como hipotireoidismo, psoríase", comentou à revista Quem.

"Meus anticorpos baixaram muito, meus hematomas de pele cresceram, estourou um monte de lesões na minha pele. Fiz infinitos testes e descobri que sou intolerante a glúten, lactose, até o ovo me faz mal. Tive que mudar toda a minha rotina. Fora o cansaço que sinto, às vezes, do nada", explicou ela.

O humorista Paulo Gustavo, internado há mais de um mês em decorrência da doença, não teve a mesma sorte. Kelly afirma estar apreensiva e abalada com a situação do amigo e de todo o mundo. "Ando muito mexida. O Paulo é uma pessoa muito querida e amada por mim, minha família e todos os brasileiros. Foi ele quem me fez voltar à música. Fui gravar uma vez o Vai Que Cola, no Multishow, e ele me falou isso. Depois gravou um vídeo meu no show com a Anitta e foi supercarinhoso. Tenho orado muito por ele, para o Thales e toda família. Espero que ele saia logo dessa", desejou.

A quarentena de Kelly Key

Depois de mais de um ano de pandemia, Kelly disse que vive uma terceira fase da quarentena. "A primeira foi quando intensifiquei os treinos e o jejum, depois fomos para Portugal, ficamos sete meses lá. Mas quando fechou tudo, voltamos para o Brasil. Estamos exaustos com a Covid-19", desabafou.

"Descobri que tenho uma pedra na vesícula e preciso tirar, mas, por prudência, decidimos adiar a cirurgia por conta da situação do país", vislumbrou ela, que define a quarentena como um momento de renascimento e de reinvenção.

"Quando fecharam as academias, ficamos em casa. Comi muito menos e aumentei o meu jejum intermitente de 14 para 18 horas. Paro de comer 20h e só volto às 14h. Dá para eu fazer três refeições. E meu almoço é livre. Óbvio que não vou comer frituras, mas como saudável e à vontade. Perdi 15kg na quarentena. Também comecei a fazer live de exercícios para incentivar meus seguidores a manterem a saúde dentro de casa", lembrou.



TAGS:
Mais Notícias
Outros Famosos