Divergiram

Manoel Soares rebate perguntas de Patrícia Poeta: "Não existe contexto"

Apresentadores entrevistaram nesta terça-feira (26), no Encontro, funcionária doméstica agredida por policial militar


Manoel Soares e Patrícia Poeta apresentam o Encontro na Globo
Manoel Soares e Patrícia Poeta divergiram em abordagem de entrevista no Encontro desta terça-feira (26) - Foto: Reprodução/Globo
Por Walter Felix

Publicado em 26/07/2022 às 11:18:00,
atualizado em 26/07/2022 às 13:50:06

No Encontro desta terça-feira (26), na Globo, Manoel Soares e Patrícia Poeta entrevistaram Patrícia Peixoto, uma funcionária doméstica agredida com um tapa no rosto pelo patrão, um policial militar. Enquanto a apresentadora quis saber detalhes sobre o contexto que culminou na agressão, seu colega fez questão de frisar: “Não existe contexto que justifique esse tipo de violência”.

“O que ele falava para você e você falava para ele? Qual era a discussão exatamente naquele momento?”, questionou Patrícia Poeta durante a entrevista no Encontro. Ao longo de toda a sabatina, a jornalista quis informações sobre o contexto anterior à agressão, capturada pelas câmeras de segurança de um elevador.

A funcionária agredida então explicou: “Eu estava falando que ia dar parte dele [na polícia]. Ele falou que eu poderia ir aonde eu quisesse, que nada ia acontecer, porque ele é major da PM”. Manoel Soares mostrou indignação com o relato: “Isso é um absurdo, porque é exatamente quem deveria nos proteger”. Ele acrescentou em seguida:

“Eu sou filho de uma mulher que também trabalha em domicílio. Estamos muito chocados. Não existe contexto que justifique esse tipo de violência.”

Manoel Soares

O apresentador fez questão de frisar: “Qualquer trabalhadora domiciliar que vai mais de dois dias [por semana] em uma casa, deve ter vínculo empregatício, deve ter a carteira assinada. Se isso não acontece, não é irregularidade, é uma ilegalidade. Temos duas situações de erro: a violência absurda que você sofreu e a situação de ilegalidade”.

Encontro com Patrícia Poeta – e Manoel Soares de escanteio – recebe críticas nas redes sociais

Manoel Soares rebate perguntas de Patrícia Poeta no Encontro

Desde que ocorreram as reformulações da programação das manhãs da Globo, o espaço destinado a Manoel Soares no Encontro tem sido criticado pelos internautas. Nesta terça, o assunto voltou a dominar as redes sociais, e o nome de Patricia Poeta figurou entre os temas mais comentados do Brasil no Twitter.

“O aplauso hoje vai para Manoel Soares que aguenta com toda educação e fineza os cortes e a sem noção da Patrícia Poeta”, escreveu uma internauta identificada apenas como Andrea. “O Encontro morreu com a saída da Fátima Bernardes. A Patrícia Poeta não dá espaço para o Manoel Soares”, comentou Maria Baixinha.

O episódio ocorrido nesta manhã também foi citado por uma telespectadora, identificada como Elis Araujo, na mesma rede social: “Patrícia Poeta, em momento constrangedor, pedindo para a moça repetir a partir das cenas do tapa o que eles conversavam exatamente. Manoel, que já iniciou dizendo que a mãe é empregada doméstica, soltou que nada que ela tenha falado justifica a agressão”.

Acompanhe a TV NaTelinha no YouTube

Resumos de novelas, entrevistas exclusivas, bastidores da televisão, famosos, opiniões, lives e muito mais!

Inscreva-se
Mais Notícias