Na RedeTV!

Sonia Abrão critica chantagem de Natália para transar com Eliezer no BBB 22: "Virou assédio"

A apresentadora do A Tarde É Sua não está curtindo a postura da sister


Montagem de Sonia Abrão, Natália e Eliezer
Sonia Abrão criticou a postura de Natália com relação a Eliezer - Reprodução/RedeTV! e TV Globo
Por Redação NT

Publicado em 31/03/2022 às 16:16:00,
atualizado em 31/03/2022 às 16:33:50

No A Tarde É Sua desta quinta-feira (31), uma das pautas principais foi a chantagem que Natália fez para transar com Eliezer nesta madrugada, no BBB 22. "Se a gente não transar, eu vou ficar furiosa. Você vai virar minha opção de voto", disse a mineira, que se tornou alvo de críticas de Sonia Abrão. "Gente, tem um ditado, que na verdade é um lema: 'não é não'. Pra homem, pra mulher, não é não. E ela continua, no meu entender já virou um assédio, do Eliezer. Ela faz isso o tempo todo, ela cisma que ela tem que transar. É naquela noite, é naquela hora, ele que se prepare", disparou a veterana.

"Já faz uma meia dúzia de festas que ela bebe demais e acaba fazendo uma série de coisas que são, no mínimo, constrangedoras. Ontem, mais uma vez, essa história se repetiu. Ontem ela bebeu demais e tava bem desequilibrada", lembrou, pontuando ainda que a modelo levou uma bronca da produção e perdeu estalecas por ter subido na mobília, correndo o risco de cair e se machucar. 

Em seguida, Sonia continuou falando sobre o comportamento da sister. "O que a Natália faz? Ou ela briga totalmente, querendo quebrar a casa e partir pra cima dos participantes, ou ela chora e sai dos eixos completamente. Uma coisa que ela faz muito, que a gente já falou muito aqui e ela continua fazendo, é uma coisa que a gente realmente fica pensando: 'por que ela bate nessa tecla?'", questionou, dizendo que ela se propõe a um papel humilhante.

"Aí você nota duas situações muito complicadas. Pra ela, a humilhação. Ela se humilha porque ela quer, ou porque ela precisa, a gente não sabe qual é o gatilho que leva, de fato, a Natália a fazer esse tipo de coisa. Porque o Eliezer chega e fala pra ela 'eu não quero, não quero, não quero' e só não configura um assédio total porque no final ele cede. Ele sempre cede e também a gente não consegue uma explicação pra isso", pontuou a apresentadora, que acha que Eli tem medo de virar chacota de machistas que pensam que homem não pode "negar fogo".

Sonia Abrão diz que Natália está agindo de maneira violenta ao cobrar sexo com Eliezer

Sonia Abrão critica chantagem de Natália para transar com Eliezer no BBB 22: \"Virou assédio\"

Ainda falando sobre a postura de Natália em relação ao Eliezer, Sonia Abrão avaliou a forma com que a modelo faz exigências. "A Natália, inclusive, começou a cobrar de uma maneira mais violenta, vamos dizer assim, mais incisiva. E ele dizendo 'não'. E ele falou uma coisa que é importante: 'eu não transo com mulher bêbada'", observou a funcionária da RedeTV!, que destacou a fala do fluminense, de que não se aproveitaria desse tipo de situação.

"Enquanto ele pode resistir, ele vai resistindo, e ela vai insistindo, ela vai se humilhando, ela vai cobrando e tem uma hora que ela vai ficando inconveniente e se desestabilizando emocionalmente. Ela passa a exigir que ele vá pra cama com ela. Gente, então são duas situações que valem mesmo a gente parar pra refletir: Como alguém se coloca numa situação de humilhação que começa com um pedido, termina como cobrança e depois em exigência e daí pra desestabilizar é um pulinho. E o outro que resiste o máximo que pode, mas o tempo suficiente pra nós, que estamos vendo de fora, entendermos que ele não é afim, ou pelo menos naquele momento não está com o mesmo desejo que ela, não quer aquela situação, mas no fim ele se obriga e vai lá e faz o que ela quer", completou a titular do vespertino.

 

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Termometro

Expresse seus sentimentos aos participantes de BBB22

TAGS:
Mais Notícias