Reportar
erro
Decisão difícil

Ex-jogador brasileiro chora ao saber de morte da mãe e toma decisão no Big Brother Portugal

Jardel fez sucesso em Portugal e no Grêmio


Jardel e comunicado de luto com a morte da mãe do ex-atleta
Jardel é um dos participantes do Big Brother em Portugal - Foto: Reprodução/Instagram
Por Redação NT

Publicado em 15/02/2022 às 10:44:55,
atualizado em 15/02/2022 às 11:03:31

Confinado desde o dia 2 de janeiro no Big Brother Portugal, Mário Jardel, ex-Grêmio e seleção brasileira, ficou sabendo da morte de sua mãe no último domingo (13) e ficou abalado com a notícia dada pela produção. Amparado pelos colegas, decidiu seguir na busca pelos 50 mil euros (300 mil reais na cotação atual).

"É com imenso pesar que comunicamos o falecimento de dona Maria de Fátima Almeida Ribeiro, mãe do nosso querido Mário Jardel. Lamentamos profundamente esta perda tão dolorosa. Pedimos a Deus que conforte o coração do nosso querido Mário Jardel, assim como os dos familiares e amigos. Luto", escreveu a equipe do ex-atleta nas redes sociais.

O Big Brother Portugal exibiu um trecho de quando o diretor do reality anunciou sua morte e pediu apoio dos outros postulantes ao prêmio. Confira como foi:

A entrada de Jardel no Big Brother

No primeiro dia de programa, o ex-atleta se disse empolgado com o desafio. "Na minha vida não costumo perder, mas ganhar ou aprender. Quero agradecer, respeitar as pessoas. Quem não me conhece vai-me conhecer e venho para vencer. Houve uma virada na minha vida e se não estivesse bem não estaria aqui", disse ele, fazendo uma alusão aos tempos em que consumia drogas.

Ainda durante sua estreia, ele também falou sobre a aceitação da família e amigos para participa do reality, Jardel afirmou que não foi encorajado, mas acredita no seu potencial. "Dinheiro traz muita facilidade e espero poder contar um pouco dessa história. Disseram-me para não vir, mas sou vencedor e estou bem".

O ex-jogador, que também já atuou no Vasco da Gama, ficou conhecido em Portugal quando jogou pelo Porto e pelo Sporting. No Brasil, além da carreira esportiva, também trabalhou na política, mas acabou se envolvendo em algumas polêmicas. Em 2014, ele foi eleito deputado estadual do Rio Grande do Sul, pelo Partido Social-Democrata (PSD) com 41 mil votos. Contudo, sofreu denúncia do Ministério Público em 2016, na Operação Gol Contra, o que gerou a cassação do seu mandato.

Aos 48 anos de idade, encerrou sua carreira em 2011, quando jogou pelo Rio Negro-AM.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias