Reportar erro
Esclarecimento

Globo nega censura e diz que já negocia ida de Lula no Bial

Emissora cortou trecho de fala no Conversa com Bial e rendeu polêmica

Pedro Bial negocia entrevista com o ex-presidente Lula
Conversa com Bial pode entrevistar Lula - Foto: Montagem
Naian Lucas, com Fabrício Falcheti

Publicado em 07/05/2021 às 17:01:08,
atualizado em 07/05/2021 às 17:09:06

A Globo explicou na tarde desta sexta-feira (7) porque cortou trecho da fala da filha da cantora Beth Carvalho no Conversa com Bial exibido na madrugada, em que Luana Carvalho pediu para Pedro Bial entrevistar o ex-presidente Lula. Em nota enviada ao NaTelinha, a emissora negou censura e disse que retirou a declaração porque já está em negociações para entrevistar o político e que, caso haja acerto, a comunicação deve ser feita pelo próprio programa.

“Durante o papo no Conversa com Bial, quando a entrevista já tinha terminado, Luana Carvalho manifestou o desejo de que Pedro Bial entrevistasse o presidente Lula. A resposta do apresentador foi de que existia não só a vontade, mas como uma negociação em andamento para que a entrevista fosse realizada. Após a entrevista, o programa teve o cuidado de entrar em contato com Luana para explicar que não iria incluir o trecho citado acima, pois não queria antecipar a informação sobre a negociação e, caso o convite fosse aceito, a comunicação para o público deveria feita pelo próprio programa”, diz a assessoria da Globo.

“A gravação da linda homenagem a Beth Carvalho durou exatamente 62 minutos e é natural que o material passe por um processo de edição para se adequar ao tempo de exibição. Não houve, porém, qualquer censura à Luana Carvalho no programa exibido ontem. A menção ao posicionamento político da entrevistada, inclusive, foi exibido em outros momentos, mais precisamente no minuto 9:50 da entrevista”, completou.

Após a conversa ser levada ao ar, Luana usou seu perfil do Twitter para reclamar da edição do canal, chegando a dizer que acabou sendo censurada. Vale destacar que Beth Carvalho sempre se posicionou favorável ao ex-presidente Lula e o Partido dos Trabalhadores (PT).

“A entrevista no Conversa com Bial foi linda, a homenagem à minha mãe bem feita e merecida, mas cortaram a parte que digo que homenagem mesmo a ela seria ele entrevista o Lula, sem polígrafo, é censura e fere o legado político prioritário na carreira de Beth Carvalho”, declarou.

Pedro Bial e Lula

Em abril, Pedro Bial participou do Manhattan Connection e comentou quais personalidades não iriam ao seu programa, citando o presidente Jair Bolsonaro e Lula. Ele relatou que o ex-governante até pensou em ir a atração, mas a condição era que fosse ao vivo. “Mas aí teria que ter um polígrafo acompanhando todas as falas dele”, ironizou o apresentador na produção da TV Cultura.

Criticado pelo sarcasmo, ele escreveu um artigo para a Folha de S. Paulo e explicou o motivo da sua frase. Em 2005, o jornalista entrevistou Lula para o Fantástico e, cerca de oito anos depois, o ex-presidente afirmou que Bial teria sido grosseiro no bate-papo, o que deixou o ex-comandante do BBB incomodado. “Mentiu a meu respeito”, resumiu.



Mais Notícias