Reportar erro
Romeu Neto

Repórter que “ameaçou” pular em rio deixa Globo e culpa pandemia

Além dele, outros quatro profissionais deixaram a emissora

Repórter que “ameaçou” pular em rio deixa Globo e culpa pandemia
Romeu Neto deixa afiliada da Globo após oito anos - Reprodução/Instagram

Thiago Forato

Publicado em 11/02/2021 às 06:31:00

O repórter Romeu Neto, jornalista que atuou na TV TEM, afiliada da Globo no interior de São Paulo, por oito anos e ficou conhecido nacionalmente no ano passado depois de se declarar à esposa e "ameaçar" a pular em um rio,  se desligou da emissora para trabalhar com assessoria de imprensa. "Eu tive um filho há poucos dias. Com a mudança, terei mais tempo para a família. A rotina de trabalho na pandemia foi desafiadora e muito desgastante, essa foi a realidade em todas as redações", conta ao NaTelinha.

Ele e outros quatro colegas, incluindo João Fernandes, saíram quase ao mesmo tempo do canal. "Não sei o motivo dos outros, mas acredito que a pandemia foi decisiva na escolha", aponta Neto, que já chegou a se declarar para a esposa ao vivo no Dia dos Namorados do ano passado, divertindo Rodrigo Bocardi e Gloria Vanique no Bom Dia SP.

Segundo o profissional, o repórter de televisão está sempre muito exposto, arriscando até mesmo a saúde para levar sempre o melhor material para o público. "Mesmo tendo todo apoio da empresa, tudo isso nos faz repensar", lamenta ele, que já teve link "invadido" sob os gritos de "mentiroso".

"Sem contar os 'Globo lixo' que a gente escuta na rua, intimidação de quem é contra nosso trabalho, contra o trabalho de jornalistas em geral. Está bem ideologizado o debate. Eles tentaram e ainda tentam, mas não vão conseguir calar a voz da imprensa livre", acrescenta.

Fora da Globo, um novo desafio

A partir de agora, Neto vai estar do outro lado do balcão: em assessoria de imprensa. Segundo ele, a nova jornada será capaz de oferecer novos desafios e uma rotina com mais tempo para a família, principalmente para o filho recém-nascido.

"Vou continuar em Sorocaba. Tenho 29 anos, não sei o que a vida me reserva, mas não descarto a fazer jornalismo de TV algum dia", assume ele.

Invasão e ameaça de pulo no rio

No ano passado, Romeu fazia um link durante o Bom Dia SP acerca da lotação de leitos de UTI para pacientes de Covid-19. Enquanto Bocardi dizia que faltava educação na intervenção e que o microfone estaria aberto a quem quisesse reclamar, o repórter passava uma informação que foi desmentida por uma munícipe: "Mentira, isso é mentira, tem um monte de leitos aqui".

Neto acabou saindo de cena e passou o bastão para Bocardi, que quis saber o que ela dizia e pediu esclarecimentos. Mais tarde, o repórter reafirmou o que havia dito [que Sorocaba estava com 87% dos leitos ocupados].

Na ocasião, esclareceu: "Essa senhora me procurou mais cedo, ela estava chateada com uma situação interna, um possível mal-entendido. Eu disse que depois da participação eu falaria com ela, para buscar uma resposta da Santa Casa. Quando ela viu a nossa participação falando sobre UTI, acabou invadindo, dizendo que é mentira, mas não quis conversar depois. Ela não quis dar a sua posição. Indelicadeza dela e não quis explicar o que era mentira. O fato é que são dados oficiais".

Já no ano passado, Romeu Neto assustou os apresentadores do jornal da TV TEM ao ameaçar pular no rio, enquanto falava sobre as opções de lazer no fim de semana de Barra Bonita. "Estou com colete, protegido e vou me refrescar porque está muito quente, 35 graus. E vou pular... Silver!", gritou ele enquanto tirava os sapatos.

Tudo não passou de uma brincadeira. Neto não pulou na água, mas os âncoras ficaram em choque com a possibilidade.

Relembre:

Mais Notícias