Reportar erro
Futebol

Repórteres em quarentena e 50 profissionais: A cobertura do Palmeiras no Mundial pela Globo

Palmeiras se classificou para o Mundial após vencer o Santos na Libertadores

Palmeiras x Tigres
Palmeiras estreia contra o Tigres no Mundial de Clubes - Reprodução/TV Globo
Thiago Forato

Publicado em 06/02/2021 às 08:55:38

"No futebol, um título é muito mais que a estrela bordada na camisa. É a realização do sonho de torcida e jogadores. E quando essa conquista é a maior de todas, ser campeão não é só ganhar a taça. É ganhar o mundo". É assim que a Globo vem alardeando em chamadas na programação a busca pelo título Mundial do Palmeiras, que começa neste domingo (7), a partir das 14h45.

A partida que a Globo transmite com exclusividade na TV aberta (na TV por assinatura, o SporTV é quem televisiona) contra o Tigres, no México, terá 15 minutos de pré-jogo, mas a cobertura começa antes disso, com conteúdos especiais no Esporte Espetacular, a partir das 10h.

Direto de Doha, o repórter Renato Peters mostra ao vivo o clima na cidade e conta como foram os dias de preparação do Palmeiras no Catar. André Hernan apresenta o Tigres, seus principais jogadores e os obstáculos que pode colocar no caminho dos brasileiros. No quadro, Fala, Galvão!, Galvão Bueno revê e comenta suas narrações de títulos de times brasileiros no Mundial de Clubes. O programa traz ainda uma entrevista exclusiva com Thomas Müller, astro do Bayern de Munique, que pode ser o adversário do Palmeiras na grande decisão. E em uma competição atípica, marcada pela pandemia de coronavírus, apresenta três torcedores fanáticos do clube paulista, acostumados a rodar o mundo acompanhando o time, e que desta vez terão que torcer de casa.

Para a disputa do Mundial, que reúne os campeões continentais, a Globo mobiliza cerca de 50 profissionais, e mandou os repórteres Renato Peters e André Hernan até Doha, no Catar. "Com um representante brasileiro disputando o título mais importante entre clubes, nossa cobertura do Mundial será a mais completa, respeitando, claro, todas as limitações impostas pela pandemia", explica Renato Ribeiro, diretor de Conteúdo do Esporte da Globo.

A quarentena dos repórteres

Repórteres em quarentena e 50 profissionais: A cobertura do Palmeiras no Mundial pela Globo

Em um diário de quarentena publicado no site Globo Esporte, foi relatado desde o embarque do Brasil ao Catar, passando pelo teste de Covid-19 no mesmo do voo, troca de documentos, permissões e quarentena.

Só foi permitido fazer check-in apresentando teste negativo de Covid-19, permissão especial de entrada no país, visto e comprovante de reserva do hotel da quarentena, oficializado pelo governo do Catar.

Ao chegar em Doha, a equipe foi obrigada a comprar um chip de celular no país e instalar um aplicativo oficial do governo que controla o status de "liberdade". Chegando no hotel, outro protocolo: isolamento total durante sete dias, sem poder sair do quarto, recebendo todas as refeições na porta.

A esperada final do Mundial de Clubes

Repórteres em quarentena e 50 profissionais: A cobertura do Palmeiras no Mundial pela Globo

Caso o Palmeiras confirme o favoritismo e passe à final, vai encarar o vencedor da partida entre Bayern de Munique (Alemanha) e Al Ahly (Egito). Eles se enfrentam na segunda-feira (8), com transmissão exclusiva do SporTV, a partir das 14h30.

A final do Mundial de Clubes está marcada para a próxima quinta (11), às 15h, que também deve contar com transmissão da Globo caso o time brasileiro esteja presente.

Mais Notícias