Reportar erro
Sem paciência

Neto critica Bruno Covas e lamenta assassinato de juíza: "Vai continuar a mesma zona?"

Apresentador também criticou a falta de vacina no Brasil

Neto apresentando Os Donos da Bola
Neto criticou Covas e falou sobre morte de juíza - Foto: Reprodução/Band
Redação NT

Publicado em 28/12/2020 às 14:51:00

Neto abriu Os Donos da Bola nesta segunda-feira (28) criticando o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, e se mostrou revoltado com o assassinato da juíza Viviane Arronenzi, que levou 16 facadas do seu ex-marido. O apresentador também ficou indignado com o fato da Argentina ter iniciado a campanha de vacinação primeiro que o Brasil.

“Esse final de semana foi difícil, porque eu vi aquela juíza ser morta por um canalha, vagabundo, safado na frente dos três filhos. Eu fiquei mal e eu falei: ‘eu vou falar isso no programa, porque eu preciso falar’. Ver o cara dar 16 facadas e ninguém faz nada! O país não para por causa disso. Uma juíza! E ninguém vai mudar nada? Ninguém vai mudar nada aí no Senado? Vai continuar a mesma zona? E a gente acha normal, mas não é normal, porque 648 mulheres foram assassinadas neste ano”, desabafou.

Na última quinta-feira (24), a juíza Viviane foi morta pelo ex-marido na frente dos três filhos após levar 16 facadas. O crime teria sido premeditado e as crianças agora ficarão sob os cuidados da avó materna. Neto confessou que ficou muito triste ao saber da notícia.

Ele também não poupou Bruno Covas. Nos últimos dias, a Câmara de São Paulo aprovou um aumento de salário de 46% para o prefeito, que sancionou a lei. A prefeitura paulistana e o governador João Dória também retiraram a gratuidade do transporte público para pessoas de 60 a 65 anos.

“Bruno Covas, você que é prefeito, se o seu avô [Mário Covas] estivesse vivo, você iria tirar a passagem do seu avô de graça? Você ia dar 45% de aumento para você? Ainda mais numa pandemia, rapaz! Como é que pode tirar a passagem dos idosos? Não pode! Em um momento como esse, a gente precisa ser solidário. Todos nós sermos solidários com as pessoas que estão em um momento tão difícil na vida”, disparou Neto.

Neto comenta vacina na Argentina

O apresentador de Os Donos da Bola também se mostrou muito insatisfeito com o fato da campanha de vacinação contra Covid-19 ter começado na Argentina, enquanto no Brasil a previsão é que ocorra no final de janeiro. No país vizinho, a vacina escolhida para imunizar a população foi a Sputnik V, produzida na Rússia.

“A gente tá vendo a vacina chegando na Argentina. A gente vai perder pra Argentina? A Sputnik chegou pra Argentina e nós vamos perder? Aí cada um que faça o que quer, cada um que pense do jeito que quiser”, completou.

Confira o vídeo abaixo:

Mais Notícias