Invasão

Em link ao vivo, repórter da CNN Brasil é interrompido e culpa coronavírus

Repórter viu o link invadido e jogou a culpa na pandemia


Repórter da CNN Brasil sendo interrompido por homem nos EUA
Repórter da CNN Brasil foi interrompido por homem em link ao vivo - Foto: Reprodução

Um repórter da CNN Brasil estava ao vivo de Nova York, nos EUA no Breaking News desta terça-feira (17), quando foi interrompido por um homem, que começou a falar em inglês, o que fez com que o jornalista interrompesse as informações para tentar explicar a situação. Ele justificou a invasão colocando a culpa no coronavírus

Tudo começou enquanto o repórter aparecia sério na imagem e já levando a notícia. “Posição dos Republicamos, mas...”, neste instante ele foi interrompido por um homem, que se posicionou atrás do profissional da CNN Brasil e começou a falar rapidamente em inglês. Não foi possível identificar o que o sujeito dizia.

“O que acontece é que o tema do coronavírus acaba mexendo com todo mundo e as pessoas vêem uma câmera ligada e elas querem falar a respeito”, comentou o jornalista sem olhar para trás e não se dirigindo para o homem, que acabou desistindo e se afastando da reportagem.

Neste momento, a tela ficou dividida e os apresentadores do Breaking News se mostraram atentos à situação, enquanto o repórter voltou a falar do tema. “Mas eu estava falando da economia e a questão é que o presidente americano tem trazido novas medidas para diminuir o impacto na economia dos americanos de um modo em geral”, encerrou, dessa vez, sem ser interrompido.

CNN Brasil e links ao vivo

Recém chegada ao Brasil, a CNN Brasil acabou vivendo uma situação inusitada nos EUA, mas que é comum no Brasil, já que jornalistas da Globo costumam ser interrompidos constantemente por transeuntes e com motivos diversos.

Os casos assim variam desde protestos, como foi o caso de torcedores do Flamengo, no auge da briga da emissora carioca com o clube. Ou quando uma mulher invadiu o link para elogiar um repórter do canal.

Mais Notícias