Exclusivo

Globo pretende transformar novela "O Grito" em minissérie

História será escrita por Ricardo Linhares

Globo pretende transformar novela
"O Grito" vai ganhar uma versão em formato de minissérie. Foto: Reprodução/Memória Globo

Daniel César
i

Daniel César

Daniel César é jornalista formado, pós-graduado em linguística e em roteiro de televisão, com mestrado em Literatura. Trabalha com o universo da televisão desde 2010 e já fez cursos de dramaturgia com nomes como Carlos Lombardi e Thelma Guedes.

Publicado em 25/04/2019 às 06:41:02 com Naian Lucas

Ricardo Linhares prepara mais uma produção para a Globo. Ele elabora uma série tendo como base uma novela feita pela emissora nos anos de 1970: "O Grito". Caso seja aprovado, o remake deve entrar em produção apenas no segundo semestre de 2020.

A novela foi exibida na própria Globo em 1975 na antiga faixa das 22h. A obra foi escrita e desenvolvida por Jorge Andrade e contou com direção de Walter Avancini. A produção teve 125 capítulos.  O cenário principal era o Edifício Paraíso, construído por uma família aristocrática. O local vai se desvalorizando por conta da construção do Elevado Presidente Costa e Silva, conhecido popularmente como “Minhocão”.

Os personagens são os moradores do edifício e o grande problema ocorre quando uma ex-freira chega com seu filho pequeno, Paulinho, que dá gritos durante a noite, irritando os vizinhos, que decidem expulsá-los do prédio. 

O elenco era recheado de estrelas. Glória Maria interpretou a ex-freira Marta. Ela dividiu cena com atores como Ney Latorraca, Yoná Magalhães, Tereza Rachel, Elizabeth Savalla, Otávio Augusto, entre outros.

Em contato com o NaTelinha, o autor Ricardo Linhares confirmou que está desenvolvendo o projeto para a Globo, mas que não será remake da novela e sim uma minissérie que contará com 10 a 12 episódios; o número final ainda está sob avaliação do autor com a Globo.

Ricardo Linhares tem se dividido entre projetos solos e supervisões de textos. Além de “O Grito”, ele está envolvido com “Amor de Mãe”, novela das nove que substituirá “A Dona do Pedaço”, e “Malhação” que sucederá a temporada “Toda Forma de Amar”.

“Amor de Mãe” será a primeira novela de Manuela Dias e a Globo definiu Linhares para ajudá-la na produção. Vale ressaltar que o autor tem experiência no horário, tendo escrito “Porto dos Milagres”, “Paraíso Tropical”, entre outros.

Já a próxima “Malhação” deve entrar no ar apenas no segundo semestre de 2020. Ainda não há detalhes de como será o enredo. Atualmente, o autor se encontra no ar com a minissérie “Se Eu Fechar os Olhos Agora”. A trama está sendo exibida logo após “O Sétimo Guardião”.

Todos os episódios estão disponíveis no Globoplay para quem é assinante. A história conta com a participação de Murilo Benício, Antônio Fagundes, Débora Falabella e Milton Gonçalves.

Além de "O Grito", que não tem data para ir ao ar, o autor desenvolve ainda um projeto de série baseado no livro "Cacau", de Jorge Amado. 

Procurada pela reportagem, a Comunicação da Globo afirmou que está trabalhando na grade de 2019 e não há qualquer informação sobre esse projeto.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!