Reportar erro
Exclusivo

Com nova gestão na Globo, Alcides Nogueira ganha espaço e pode ter novela em 2022

Autor estava praticamente na geladeira com a direção anterior

Alcides Nogueira posa para foto de pé e sorrindo
Alcides Nogueira irá ganhar espaço com a nova gestão da Globo - Foto: Divulgação
Daniel César

Publicado em 09/06/2021 às 04:31:00

Alcides Nogueira vai ganhar espaço na dramaturgia da Globo e a direção da área já bateu o martelo sobre o assunto, dando a possibilidade real de que o autor tenha uma novela levada ao ar já no ano que vem. Ainda não se sabe se ele irá assinar o remake de Amor com Amor se Paga ou se poderá apresentar uma nova proposta, contemporânea.

Segundo apurou o NaTelinha, a direção de dramaturgia da emissora entende que Alcides oferece segurança para a audiência e conhece o público da faixa das 18h, sendo o único experiente depois da saída de Elizabeth Jhin. Isso significa dizer que os projetos dele já estão sendo reavaliados pela cúpula da casa e até mesmo o remake de Amor com Amor se Paga, que já havia caído, poderá ser retomada.

Fontes ligadas ao canal explicou à reportagem que tanto José Luiz Villamarim quanto Ricardo Waddington confiam no autor e que têm tranquilidade para entregar a faixa nas mãos de Alcides e que, inclusive, ele já foi comunicado de que terá mais espaço e que poderá apresentar projetos nos próximos dias. A dúvida é se o novelista insistirá com o remake da obra de Ivani Ribeiro, que havia sido encomendada pela gestão anterior, ou se irá apresentar uma nova sinopse.

O NaTelinha tentou contato com o roteirista, mas não conseguiu, porém pessoas ligadas a ele informaram que Alcides Nogueira está empolgado e avaliando apresentar um projeto novo e contemporâneo para a faixa, o que ele fez na última vez nos anos 90. Desde então, no horário das 18h, Alcides se envolveu apenas em projetos de época com Força de um Desejo (1999), Ciranda de Pedra (2008) e Tempo de Amar (2017).

Alcides Nogueira na geladeira

A decisão da emissora em dar mais espaço a Alcides Nogueira é inversamente proporcional ao que vinha acontecendo com ele durante a gestão passada da dramaturgia na Globo.  Pelas mãos de Silvio de Abreu, o autor aprovou apenas um projeto, o já falado Tempo de Amar, embora tenha sido produzida I Love Paraisópolis (2015), no horário das 19h, mas que já estava aprovada antes dele assumir o cargo.

Desde 2017, no entanto, o roteirista vinha sendo levado a banho maria e sem conseguir emplacar nada no canal. Ele chegou a ter um argumento aprovado para às 18h e que contaria a história das Sufragistas, mas que acabou cancelada após a apresentação da sinopse e porque se passaria em período semelhante à trama apresentada por Gilberto Braga para a faixa.

Após o cancelamento da sinopse, Silvio de Abreu encomendou para o autor uma nova história, nem tão nova assim, já que tratava-se do remake de Amor com Amor se Paga (1986), de Ivani Ribeiro e que vinha sendo tocada por ele no momento em que a emissora carioca anunciou mudança geral no entretenimento.

Alcides Nogueira com espaço

Embora seja considerado expert na faixa das 18h, Alcides Nogueira já escreveu para outras faixas, inclusive na finada 23h, quando foi o responsável pelo texto do remake de O Astro (2011), que deu a ele um Emmy Internacional. Mas agora o autor deverá ficar focado no horário para ajudar a desenvolver histórias para a audiência, inclusive podendo supervisionar projetos de autores novatos.

Na fila da faixa, portanto, ficará Nos Tempos do Imperador, prevista para entrar no ar ainda este ano, se tudo correr bem, Além da Ilusão, que voltou com chances de ser produzida por conta do ritmo de vacinação no país, e um projeto de Alcides Nogueira, o que daria tranquilidade para a direção de dramaturgia planejar os próximos trabalhos.

Mais Notícias