Exclusivo

Gloria Pires estreia na produção e no suspense com A Suspeita: "Montanha-russa"

Ao NaTelinha, atriz fala sobre o filme lançado nesta quinta-feira (16) e confirma escalação para próxima novela das 19h


Gloria Pires no filme A Suspeita
Em A Suspeita, Gloria Pires vive Lúcia, policial que descobre Alzheimer e vira alvo de investigação - Foto: Divulgação/Desirée do Valle
Por Walter Felix

Publicado em 16/06/2022 às 04:30:00,
atualizado em 16/06/2022 às 09:33:08

Gloria Pires produz e protagoniza A Suspeita, filme que estreia nesta quinta-feira (16) no cinemas. Em entrevista exclusiva ao NaTelinha, a atriz revela o que a motivou a se aventurar como produtora, trabalho inédito em seus mais de 50 anos de carreira. Ela ainda adianta os próximos projetos – e entrega que vem novela por aí.

Em A Suspeita, Gloria Pires interpreta Lúcia, uma comissária da inteligência da Polícia Civil que é diagnosticada com Alzheimer. Ela decide se aposentar, mas, durante seu último caso, descobre um esquema criminoso e acaba alvo da investigação, comprometida com o avanço precoce da doença. Pelo papel, a atriz recebeu o Kikito de melhor atriz no Festival de Gramado, no ano passado.

A memória, em vários sentidos, é um dos temas principais suscitados pelo filme. “A história original não trazia o lado da Lúcia na trama. O espectador observava apenas o que acontecia com ela. Minha proposta, que se realizou na montagem, foi trazer o público para vivenciar a montanha-russa que acontece na cabeça da personagem”, comenta Gloria.

“Amo as personagens que trazem suas fragilidades, então procurei trazer o lado comum do ser humano.”

Gloria Pires

O domínio sobre a condução da narrativa só foi possível graças ao trabalho como produtora. Ela conta que usou a seu favor todos os anos de trabalho como atriz. “Há muito tempo eu estava querendo produzir um filme. Sendo produtora, posso escolher não somente a personagem, mas também usar a minha experiência em benefício do projeto.”

Com suspense, A Suspeita se tornou projeto singular na carreira de Gloria Pires

Gloria Pires estreia na produção e no suspense com A Suspeita: \"Montanha-russa\"

O trabalho como produtora não é a única estreia de Gloria Pires em A Suspeita. Também é a primeira vez que a atriz protagoniza um filme policial. “Gosto muito de suspense e investigação no geral, mas esse projeto foi muito singular e mais raro ainda de acontecer na televisão”, reconhece.

“Quando o Pedro Peregrino foi convidado para dirigir o projeto, tinha apenas o argumento do Luiz Eduardo Soares. Nós dois e a produtora Formata, depois com a entrada do Thiago Dottori no roteiro, fomos construindo o filme juntos”, explica a veterana.

Ela conta que se preparou para dar vida a uma mulher de 50 e poucos anos que descobre uma doença degenerativa. “O Pedro [Peregrino, diretor] me apresentou o livro Vivendo no Labirinto, da autora norte-americana Diana Friel McGowin. Ela foi diagnosticada com Alzheimer e mesmo assim continuou em atividade.”

Atriz estará em novela da Globo e prepara primeiro filme como diretora

Gloria Pires estreia na produção e no suspense com A Suspeita: \"Montanha-russa\"

Recentemente, Gloria Pires foi apontada como o principal nome cogitado para dar vida à vilã da próxima novela de João Emanuel Carneiro. A trama, que inicialmente teria o título Olho por Olho e exibição no horário nobre da Globo, foi rebatizada como Todas as Flores e terá Regina Casé no papel central.

Só que as novelas seguem nos planos de Gloria. “Na televisão, estou escalada para Fuzuê, do Gustavo Reiz com direção do Leo Nogueira”, antecipa, sem dar detalhes sobre o papel na novela programada para a faixa das 19h. Na trama, ela deve viver Maria Navalha, uma cantora em carreira decadente.

Os filmes também seguem a todo vapor. “Estou preparando minha primeira direção em Sexa, um longa criado por Guilherme Gonzales e produzido por Giros Filmes e Audaz”, conta Gloria. A história, também protagonizada por ela, será sobre uma mulher sexagenária que se sente no auge da vida e se apaixona por um homem mais novo.

“Meus dois próximos projetos para o cinema são o Vovó Ninja, dirigido pelo Bruno Barreto e com minha filha Cleo, e o Desapega!, do Hsu Chien”, conta. Neste último, ela também volta a atuar como produtora.


Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias