Reportar erro
Queda

Com pandemia e investimentos, lucro do Grupo Globo desaba 78% em 2020

Queda ocorre pelo segundo ano seguido

Logotipo do Grupo Globo
Lucro do Grupo Globo diminuiu - Foto: Divulgação
Naian Lucas

Publicado em 26/03/2021 às 18:12:00,
atualizado em 26/03/2021 às 18:23:14

O Grupo Globo divulgou nesta sexta-feira (26) o balanço com os seus resultados financeiros do ano passado, mostrando redução de receitas e lucro pelo segundo ano consecutivo. Por causa da pandemia do novo coronavírus, a empresa viu seu rendimento ficar menor em 78% entre 2019 e 2020. Mesmo assim, a companhia realizou cortes financeiros e continuou com suas contas no azul.

Segundo o documento, publicado em um jornal de grande circulação conforme manda a lei - no caso, o Valor Econômico -, a Globo teve uma receita líquida de R$ 12,5 bilhões, enquanto no ano anterior fechou com R$ 14,09 bilhões, o que representa uma diminuição de 11,1%. Em relação ao lucro líquido, o grupo registrou R$ 167,8 milhões em 2020 e R$ 752,5 milhões em 2019.

Com a pandemia do novo coronavírus, houve forte impacto financeiro em todo o mundo, inclusive no mercado publicitário. Com a suspensão de diversas produções dramatúrgicas – as novelas inéditas do canal saíram do ar em março do ano anterior e só Amor de Mãe voltou, no mês passado – e o cancelamento de eventos esportivos, a empresa não conseguiu arrecadar o que estava previsto. A queda de venda de publicidade foi de 17%.

O plano Uma Só Globo precisou ser acelerado e diversos profissionais foram dispensados ao longo de 2020. Miguel Falabella, Vera Fischer, Antônio Fagundes, Glória Menezes, Tarcísio Meira, Mônica Albuquerque, entre tantos outros profissionais não tiveram seus vínculos renovados e deixaram o canal.

Uma Só Globo, que iniciou em setembro de 2018, consiste unir em um único CNPJ a TV Globo, Globosat, Globo.com e DGCORP (Diretoria de Gestão Corporativa). Essa fusão está sendo liderada pela Accenture, empresa líder mundial em consultoria de tecnologia e transformação empresarial.

Essas medidas permitiram que a companhia tivesse equilíbrio financeiro, reduzindo custos e renegociando contratos de direitos de transmissão – a Taça Libertadores da América foi perdida para o SBT porque a emissora alegou não ter condições de pagar o valor proposto antes da pandemia – de serviços, etc.

O Grupo Globo afirma que criou um comitê de crise no início da pandemia, composto pelos principais executivos da companhia, que se reuniam e reportavam periodicamente ao conselho de administração.

Grupo Globo teve queda também em 2019

Com pandemia e investimentos, lucro do Grupo Globo desaba 78% em 2020

Essa queda não ficou restrita apenas ao ano passado. Em 2018, a empresa faturou R$ 14,7 bilhões, ou seja, 2019 apresentou uma diminuição de arrecadação em 4%. Essa queda também refletiu no lucro, já que há três anos, a empresa fechou com R$ 1,2 bilhão e no ano anterior ficou em R$ 752 milhões, retração de 37%.

Na época em que os números foram divulgados, o Grupo Globo explicou que houve alto investimento para a construção do MG4, o novo complexo de estúdios para gravações de novelas e que é considerado um dos mais modernos e tecnológicos de toda a América Latina.

É importante destacar que os canais de TV no Brasil passaram por dificuldades financeiras por causa da pandemia. O SBT, por exemplo, não manteve vínculo com todo o elenco de As Aventuras de Poliana e dispensou Mamma Bruschetta, Carlinhos Aguiar, Leão Lobo, entre outros artistas para não ter prejuízo financeiro.

TAGS:
Mais Notícias