90 anos

Léo Batista por trás das câmeras: de demissão por gravata na Globo a "doença" pelo Botafogo

Veterano jornalista da Globo completa 90 anos nesta sexta-feira (22)


Léo Batista
Léo Batista 90 anos: jornalista começou carreira no rádio e se consolidou na TV com a cobertura esportiva - Foto: Divulgação/Globo
Por Walter Felix

Publicado em 22/07/2022 às 04:00:00,
atualizado em 22/07/2022 às 07:39:27

Léo Batista completa 90 anos nesta sexta-feira, 22 de julho. Apaixonado por futebol e torcedor do Botafogo, o jornalista é um velho conhecido da cobertura esportiva na televisão. Ele, que também é apresentador, dublador e locutor, é um dos nomes mais antigos no elenco da Globo, emissora em que está há mais de quatro décadas.

Filho de imigrantes italianos, Léo Batista nasceu em Cordeirópolis, no interior de São Paulo, e já mostrava desde a infância que seguiria a vida na comunicação. Trabalhou em serviços de alto-falantes em sua cidade-natal e logo faria sua estreia no rádio, ainda nos anos 1940. Mudou-se para o Rio de Janeiro na década de 50.

Algumas curiosidades de sua carreira só vieram a público no início do mês, quando ele participou do Conversa com Bial. Na entrevista, o jornalista contou que apresentou Hebe Camargo (1929-2012), no início da carreira musical da comunicadora, quando ela tinha apenas 19 anos, na Rádio Tupi.

Ele também anunciou em primeira mão a morte de Getúlio Vargas, em 1954. Na televisão, estreou em 1955, na TV Rio. Chegou à Globo em 1970 e passou por praticamente todos os telejornais da casa. Apesar de afastado do vídeo diariamente, não recusa trabalho e rejeita a ideia de uma aposentadoria.

Pioneirismo
Léo Batista foi o primeiro apresentador do Jornal Hoje e também do Esporte Espetacular. Também esteve presente na estreia da Fórmula 1 na Globo, em 1972. Ao longo da carreira, ficou mais tempo à frente do Globo Esporte. Atualmente, faz participações pontuais na edição carioca do programa.

“Doente por causa do Botafogo”

Léo Batista torce para o Botafogo
Léo Batista recebe camisa personalizada do Botafogo em homenagem do Globo Esporte em 2019 - Foto: André Durão/Globo

Ainda no Conversa com Bial, Léo Batista disparou: “Já fui Botafogo doente. Hoje eu estou doente por causa do Botafogo”. Na entrevista a Pedro Bial, o veterano jornalista esportivo afirmou que teve um “amor à primeira vista” com o alvinegro carioca, mas não deixou de comentar a má fase do time.

“Estava no Maracanã. Fui assistir a um jogo com alguns amigos, era Fluminense e Botafogo. De repente, o Botafogo começou a jogar melhor, saiu uma jogada bonita e pronto, um golaço do Botafogo. Pulei gritando ‘Gol!’. Depois do lance eu parei e pensei: ué, estou torcendo para o Botafogo? Daquele instante em diante acabou, virei Botafogo.”

Após passagens no rádio e na TV, o veterano se consolidou como jornalista esportivo por acaso, na Copa do Mundo de 1970, ano de sua contratação na Globo. O convite veio por Boni e Walter Clark, então diretores da emissora carioca, após uma transmissão improvisada, mas bem-sucedida do campeonato.

“Eu estava ali escrevendo meio chateado porque eu já queria trabalhar no esporte. Ele veio correndo e dizendo que a imagem da transmissão estava razoável, mas o som estava ruim. Então entrei no estúdio e falei: ‘Estamos com um problema na transmissão, mas já estávamos resolvendo’ e continuei narrando o jogo.”

Morte trágica da esposa em janeiro

Léo Batista por trás das câmeras: de demissão por gravata na Globo a \"doença\" pelo Botafogo

A esposa de Léo Batista, Leyla Belinaso, morreu em 29 de janeiro de 2022, aos 84 anos, na piscina de casa. Quem encontrou a esposa foi o próprio jornalista, que rapidamente procurou ajuda. Segundo o boletim de ocorrência, o veterano encontrou a esposa afundada dentro da piscina na residência onde os dois viviam juntos no Rio de Janeiro e mergulhou para salvá-la, mas logo o próprio profissional constatou que ela estava sem vida.

“O apresentador informou que, na parte da tarde, sua esposa estava à beira da piscina enquanto ele estava no interior da residência”, diz trecho do documento divulgado pela polícia. “Ao sair para verificar se sua esposa estava bem, se deparou com ela dentro da piscina, segurando um macarrão-bóia e com a face dentro d’água. De imediato mergulhou para retirá-la, no entanto já estava em óbito.”

Quase demitido por causa de gravata

Léo Batista por trás das câmeras: de demissão por gravata na Globo a \"doença\" pelo Botafogo

Léo Batista foi homenageado no último domingo (17) pelo Esporte Espetacular. Em um café da manhã para lá de descontraído, Bárbara Coelho e Lucas Gutierrez relembraram histórias do jornalista e fizeram o “Senhor Léo” se emocionar com várias delas. A Voz Marcante, como ficou conhecido, contou que quase foi demitido por usar uma gravata menos “tradicional”.

“O Boni me mandou um memorando me ameaçando de demissão: ‘Hoje, Léo, você usou uma gravata anti televisiva’. Falou que se eu repetisse eu tava demitido sumariamente. Eu tenho os memorandos, eu guardo tudo, eu sou lixeiro. Lixeiro no sentido de guardar tudo. Não posso jogar fora isso, é memória, é história.”

O locutor ainda destaca que logo no início do Globo Esporte, ele foi advertido por estar apresentando o programa sorrindo: “O Armando me mandou um memorando falando que eu estava muito sorridente, muito alegrinho no Globo Esporte e que eu tinha que ser mais sério. Eu falei 'peraí, eu tô falando de futebol, de esporte, de alegria, ué'. Hoje em dia contam até piada”.

Flagra de Hortência comendo canguru

Léo Batista por trás das câmeras: de demissão por gravata na Globo a \"doença\" pelo Botafogo

Em meio às homenagens, Hortência deixou um depoimento para Léo. A ex-atleta mandou um beijo carinhoso para o apresentador e disse se emocionar muito ao lembrar do locutor, afinal foi ele quem narrou suas principais conquistas. Léo respondeu a Rainha do Basquete e aproveitou para comentar sobre um apuro que os dois passaram na Olimpíada de Sidney.

“Na Olimpíada de 2000, que foi em Sidney, tinha uma lanchonete de pizza e ninguém aguentava mais comer pizza, aí fizeram um restaurante. Era um balcão, tipo prato feito e eu vi a Hortência sentada num canto lá. Ela comia, mastigava, fazia uma careta. Falei: 'Ué, o que você arrumou para comer que eu tô procurando?'”, relembrou Léo.

O jornalista seguiu, rindo: “Ela disse: 'Arrumei uma carne dura, ruim, mas tô comendo, porque tô com fome'. Aí olhei no balcão em frente, vi um cara com um negócio grande, com a carne boiando, e eu perguntei o que era e ele: 'Canguru'. Eu cheguei lá e falei pra Hortência e ela se desesperou”.

No programa, o apresentador revelou que não pensa em se aposentar: “Quem vai me aposentar é o cara lá de cima. Tenho uma saúde razoável”.

Acompanhe a TV NaTelinha no YouTube

Resumos de novelas, entrevistas exclusivas, bastidores da televisão, famosos, opiniões, lives e muito mais!

Inscreva-se
Mais Notícias
Outros Famosos