Endometriose

Anitta é diagnosticada com doença e vai fazer cirurgia

Cantora contou nas redes sociais que sofreu com dores por nove anos até descobrir seu verdadeiro diagnóstico


Anitta em foto publicada no Instagram
Anitta em foto publicada no Instagram: cantora revelou que foi diagnosticada com endometriose
Por Daniele Amorim

Publicado em 07/07/2022 às 23:53:00,
atualizado em 07/07/2022 às 23:53:35

Nesta quinta-feira (7), Anitta revelou para seus seguidores do Twiter que foi diagnosticada com endometriose e terá que passar por uma cirurgia. A doença é decorrente de uma inflamação nas células do endométrio, que reveste a parede do útero, e causa dores no momento de fazer relações sexuais, urinar ou no período menstrual. 

"Estou aqui no auge dos acontecimentos mais inacreditáveis da minha vida, um atrás do outro tipo um rajadão de bênçãos... mas não tá dando pra sorrir por motivos de: precisamos falar sobre endometriose", começou a cantora, na postagem. 

A funkeira relembrou de quando disse em um podcast que sofria de cistite de lua-de-mel, ou seja, toda vez que tinha relações sexuais corria o risco de ficar com algumas dores na região por dias. "Logo em seguida vários portais e sites de médicos fizeram matérias ensinando 'como evitar a infecção urinária de Anitta", acrescentou, sobre a cobertura da imprensa da fala. 

"Eles diziam que a higiene era muito importante. O uso de preservativo. Urinar após a relação. Beber muita água. E outras coisinhas que eu nos meus nove anos de sofrimento já estava cansada de escutar", explicou Anitta.

imagem-texto

Diagnóstico de endometriose 

A resposta para o problema só aconteceu quando Anitta foi visitar o pai, Mauro Machado, no hospital após ele ter sofrido um AVC. A artista conversou com a cardiologista Ludhmila Hajjar, que cuidou do caso de Painitto, e revelou que ainda sentia muita dor na região do baixo ventre. "A doutora fez na mesma hora uma ressonância em mim e estava lá: endometriose. No dia seguinte, ela me levou em um especialista. Fizemos os outros exames necessários pra ter certeza e aí está". 

Por fim, a cantora pediu que as mulheres se atentassem a esses sinais e pesquisassem sobre o tema: "A endometriose é muito comum entre as mulheres. Tem vários efeitos colaterais, em cada corpo de um jeito. Podem se estender até a bexiga e causar dores terríveis ao urinar. Existem vários tratamentos. O meu terá que ser cirurgia".

"Procurem mais de um médico, mais de uma opinião. Se um não resolver... Vai pra outro. Não é normal a gente viver com essa dor assim pra sempre. [...] Pesquisem artigos sérios no Google, mas um médico especialista nisso vai conseguir te ajudar. Enquanto isso tô aqui contando os dias pra minha cirurgia. Dizem que é bem simples"

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias
Outros Famosos