Luta pela vida

Repórter da Globo se pronuncia após tornar público diagnóstico de doença

Renata Capucci se manifestou sobre detalhes do Parkinson após revelar enfermidade


Renata Capucci sentada em sua mesa de escritório
Repórter da Globo se pronuncia após tornar público diagnóstico de Parkinson - Foto: Reprodução
Por Redação NT

Publicado em 28/06/2022 às 21:34:00,
atualizado em 28/06/2022 às 21:46:25

Nesta terça-feira (28), Renata Capucci se pronunciou sobre doença, após revelar diagnóstico de Parkinson. Em relato ao O Globo, a repórter do Fantástico falou sobre a importância de tornar pública sua luta para a enfermidade. A jornalista também explicou que foram quatro anos de sentimentos misturados, desde quando descobriu a doença, e revelou os sintomas que teve.

"Fazia um tempo que eu vinha gestando a ideia de 'sair do armário' do Parkinson. Queria me livrar desse segredo porque me sentia vivendo uma vida dupla: uma Renata com quem sabia da doença e outra que escondia o Parkinson. Mas tudo tem seu tempo. Foram quatro anos em que passei por diferentes fases desde o diagnóstico. A revolta, a tristeza profunda, a raiva. Até que você percebe que ficar assim não te traz nada de positivo, ao contrário", contou.

"A inércia é uma grande inimiga dessa doença, aliás, de qualquer uma. Meus sintomas começaram leves, no início de 2018. Sentia os dedos de um dos pés se contraírem e ao mesmo tempo comecei a mancar, sem perceber. Só depois entendi que, na verdade, era a minha perna esquerda se movimentando mais lentamente que a direita."

Renata Capucci

Repórter da Globo, Renata Capucci revela sintomas do Parkinson

imagem-texto

Renata relatou o processo que teve desde o início dos sintomas, em 2018, época em que participava do programa da Globo Pop Star. A jornalista afirmou que procurou formas de amenizar os efeitos do Parkinson.

"Busquei fisioterapia, osteopatia. Nem imaginava que poderia ser algo mais sério. Fiz um exame clínico com um neurologista. E depois uma ressonância magnética da cabeça e da coluna vertebral. Veio a bomba. No quarto, a médica disse: “você está com Parkinson”. Eu falei: “que isso doutora, eu tenho 45 anos!!" Foi muito, muito pesado receber essa notícia. Chorei, gritei, me perguntava: por que? O que aconteceria comigo? Como eu iria evoluir? O não saber, o não controlar é enlouquecedor", explicou.

"Hoje, quase quatro anos depois de descobrir o Parkinson, respiro e vejo que não preciso me esconder, não tenho culpa de ter a doença. Não a escolhi, é da vida. E me libertei do segredo que guardava da maneira mais orgânica possível."

Renata Capucci
Siga a gente no Instagram

Acompanhe nosso perfil e fique por dentro das quentinhas da TV e famosos

ACESSE!
Mais Notícias
Outros Famosos